Suzane von Richthofen voltou a ser um dos nomes mais comentados desde a semana passada, quando foi divulgada a notícia de que ela deixaria a prisão por alguns dias para aproveitar o Dia das Mães. Curiosamente, ela está presa justamente pelo assassinato dos pais. Houve uma grande repercussão neste caso, com muitas pessoas criticando o fato dela ter este benefício, mas isto aconteceu com várias outras presas, que de acordo com a lei podem sair em 5 feriados durante o decorrer do ano, desde que tenham bom comportamento e atendam a todos os requisitos exigidos.

Mesmo assim, a maioria dos brasileiros não aceitou o fato da condenada poder deixar o presídio no feriado do Dia das Mães, só que uma matéria mostrada no "Fantástico" neste último domingo (9) mostrou que Suzane von Richthofen mentiu para a Justiça para ter direito ao benefício.

Publicidade
Publicidade

Suzane, condenada a 39 anos de prisão, podia voltar para a prisão até na terça-feira (9), mas voltou um dia antes por causa da matéria veiculada na Rede Globo mostrando que ela não se encontrava no endereço fornecido à Justiça no horário das 21h às 8h. A equipe do "Fantástico" compareceu ao endereço fornecido por ela, na cidade de Angatuba, e no local existe um comércio de tecido e algumas casas.

A polícia foi comunicada pela Globo a respeito do ocorrido e começou então uma busca por Suzane von Richthofen e ela foi encontrada na cidade de Angatuba, só que estava em um sítio. Assim, ela foi conduzida novamente até o presídio onde cumpre pena em regime semiaberto, mas poderá perder este benefício de sair em datas específicas, além de poder voltar para o regime fechado, depois de ter mentido para a Justiça.

Publicidade

Ruy Freire, defensor público, alegou que sua cliente teria agido de má fé e que encontrava-se a apenas 3 quilômetros do endereço fornecido à Justiça.

E em uma das casas localizada no endereço fornecido por Suzane von Richthofen mora o genro de seu namorado, um homem de 37 anos que é dono de uma empresa de transportes na cidade. Todo mês ele visita em Tremembé sua irmã, que foi condenada a 18 anos de prisão e foi lá que se aproximou de Suzane, que já não está namorando com Sandra Gomes, o Sandrão, com quem ela teve um relacionamento.

Suzane passou o Dia das Mães no sítio de seu namorado e nenhum deles quis falar sobre o namoro. #Famosos #Casos de polícia