E quem disse que era para ser real? A novela "#Totalmente demais", escrita pelos autores Rosane Svartman e Paulo Halm, foi apresentada como um conto de fadas moderno com pitadas de humor, drama e aventura. Com personagens bem construídos e com um elenco bem entrosado, a novela das 19 h conquistou o público e bateu recordes de audiência. Nada de ousadia, o bom e velho folhetim de mocinhas e vilões bem contado.

"Totalmente Demais" conseguiu manter o público jovem, que acompanhou a jornada de Mari (Bruna Marquezine), Benjamin (Maurício Destri) e Grego (Caio Castro) em "I Love Paraisópolis", mas com um triângulo amoroso muito mais forte. Eliza (Marina Ruy Barbosa), Jonatas (Felipe Simas) e Arthur (Fábio Assunção), fizeram ferver as redes sociais diariamente.

Publicidade
Publicidade

A tal onda de "Shippar" facilitou a vida dos autores, foram um troca-troca de casais em todos os núcleos, que já se tornou um recurso muito utilizado para movimentar fãs clubes na internet.

Complicado é equilibrar a trama principal com as tramas paralelas, e talvez isso tenha sido o ponto alto dos autores de "Totalmente Demais". Enquanto a trama desenvolvida por Eliza no concurso de Beleza se arrastava em mais de 100 capítulos, eram os personagens do núcleo da família de Jonatas, Rosângela (Malu Galli), Florisval (Aílton Graça) e seus irmãos e a deliciosa participação dos pais de Arthur, Stelinha (Glória Menezes), Maurice (Reginaldo Faria); e ainda a família da totalmente sem noção Cassandra (Juliana Paiva), Débora (Olivia Torres) e Hugo (Orã Figueiredo) a dar um refresco à trama. Outro ponto alto e para elogios são as interpretações de Viviane Pasmanter como Lili, Humberto Martins (Germano) e Juliana Paes (Carolina).

Publicidade

E quando os autores tentaram discutir temas polêmicas, foram tão rasos como as tramas de "Malhação". O horário não permite se aprofundar em temas tão polêmicos, e quando se resolver dar apenas uma pincelada sobre eles, fica uma frustração.

"Totalmente Demais" foi uma boa novela; mesmo se arrastando para um melodrama em sua reta final, a trama deixa um saldo positivo. Como entretenimento, foi agradável e gostosa de assistir. #Novelas