Todo mundo sabe que o ator Pedro Cardoso é um dos apoiadores da presidente Dilma Rouseff (PT). No próprio site do partido da governante afastada há a reprodução de uma fala do artista em que ele teria dito que "há uma demonização excessiva do governo do #PT". Por conta de sua posição e ativismo político, o intérprete de Agostinho já sofreu um "massacre" de comentários contra seu nome na internet. A última polêmica envolvendo o ator foi durante uma entrevista para a Rádio Jovem Pam FM. Na conversa, ele falou sobre o fim de seu personagem na 'Grande Família', Agostinho Carrara, e também sobre a dificuldade que está enfrentando em conseguir papeis futuros.

Publicidade
Publicidade

Pedro também teceu críticas ao canal, e disse que lá foi desprezado com o fim da atração.

O ator de 34 anos passou ao longo de 13 anoa se dedicando ao papel do irreverente taxista. No Programa 'Pânico',  ele disse que está fora da Rede Globo e que "o dinheiro faz muita falta". Porém, ele não revelou quanto ganhava no canal da família Marinho. O programa foi uma das melhores audiências de humor da emissora, e contou com estrelas como Marco Nanini (Lineu) e Marieta Severo (Nenê).

Pedro contou que ao fim da atração ele tentou emplacar alguns projetos seus no canal. Um deles, que era um quadro de improvisos, chegou ir ao ar, porém os responsáveis pelo canal não gostaram. A atração foi encaixada dentro do 'Fantástico', programa exibido aos domingo. O artista lamentou a falta de confiança em seu "taco", e esperava que, ao fim da 'Grande Família', ele receberia um convite para desenvolver um de seus projetos autorais, mas não foi isso que aconteceu.

Publicidade

"Tiveram absoluto desprezo pelo meu trabalho", desabafou com a equipe da rádio.

Em seguida, o artista chegou a tentar se encaixar nos "novos tempos", e foi pedir vaga na Netflix, plataforma mundialmente conhecida de filmes e séries responsável por sucessos como 'Narcos' e 'Orange Is the New Black'. Contudo, ele teve azar de novo, e os responsáveis pelo site não quiseram saber de suas ideias.

Atualmente, Pedro Cardoso está trabalhando com teatro em duas peças. Ele tem feito roteiro e atuação, e lembrou na entrevista que a arte também tem responsabilidade social.

"Temos que estar ligados na função social do que fazemos."

Assista abaixo a entrevista completa:

#Dilma Rousseff #Rede Globo