Chega a hora de Candinho conhecer seu pai em Êta Mundo Bom! Mas esse encontro será marcado por mais confusão... e nada de emoção. Tudo porque Pirulito não acredita que o pai do amigo possa aparecer tão facilmente - e do nada! Confira a sequência que a colunista do Jornal O Globo adiantou sobre a novela das seis!

À esta altura de Êta Mundo Bom, Anastácia e Candinho estarão morando com Pacrácio após o golpe de Sandra. A loira fica com todo o dinheiro da tia e o caipira volta a vender pipocas na praça da cidade. Ao mesmo tempo, o detetive Jack encontra Ernani e conta a novidade para Anastácia, que vai ao encontro do pai de Candinho.

Publicidade
Publicidade

Sem querer forçar ex a se relacionar com o filho, a madame apenas entrega o paradeiro do jovem e deixa que ele decida se quer conhecer o rapaz.

É assim que a confusão se arma! Ansioso, Ernani vai ao encontro Candinho na praça e se apresenta. "O coração deu quase sai pela boca. Acho que não ouvi direito, não. Ocê disse que é meu pai?", surpreende-se o caipira. O homem insiste que foi procurá-lo, pois sabia que ele estava vendendo pipocas na rua. "Sou seu pai sim. Só de te ver, pela primeira vez, sinto uma grande alegria. Você nem imagina quanta", explica ele.

Pirulito observa a tudo e pede cuidado ao amigo, pois "pai não aparece assim". Então Candinho não acredita em Ernani e conclui que o homem é um farsante. Pirulito chama a polícia e explica que o senhor está tentando aplicar um golpe no pipoqueiro.

Publicidade

"Não é isso. Deixe-me explicar, Candinho", pede o pai.

Mas o protaginista fica com raiva por acreditar estar sendo enganado e responde que não há o que explicar. "Eu não tenho pai, e ocê falou que é pai deu. É gorpi!", decreta o rapaz. O homem é levado pela polícia, mas consegue ir até a casa de Pancrácio no fim do dia para desfazer a confusão. Anastácia fica penalizada com o episódio e Ernani conta que passou horas na delegacia tentando explicar tudo o que aconteceu.

Candinho percebe que cometeu um erro e pede desculpas, emocionado. O caipira ainda chama a atenção de Pirulito, que o fez entregar o pai à polícia. "Fez eu brigar com o pai à toa!", lamenta o rapaz. Mas Ernani conclui que é ele quem deve pedir desculpas, pois é difícil para qualquer um acreditar que um pai pode aparecer de repente na praça. Assim, a emoção toma conta e mais um reencontro acontece em Êta Mundo Bom! #Novelas #Eta Mundo Bom #Conectados