Não há qualquer justificativa "para adiar ou cancelar os Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro pelo surto de #Zika Vírus”, disse a Organização Mundial de Saúde. A afirmação, contida em um comunicado, veio logo após 150 especialistas em saúde pública escreverem uma carta à agência de saúde da ONU.

O vírus zika pode causar defeitos congênitos muito graves, principalmente o nascimento de bebês com microcefalia. Em adultos, pode causar problemas neurológicos como uma síndrome rara que pode ser fatal ou resultar em paralisia temporária. Os autores também observaram que, apesar dos grandes esforços para exterminar os mosquitos, o zika está aumentando em vez de diminuir.

Publicidade
Publicidade

No entanto, a OMS afirmou que "com base na avaliação atual, cancelar ou alterar o local dos Jogos de 2016 não vai alterar significativamente a propagação internacional do vírus zika".  A OMS, com sede em Genebra, disse que o Brasil é um dos 60 países que relataram a transmissão do vírus por mosquitos e que "as pessoas ainda estão viajando entre estes países para uma série de razões".

Com base na avaliação atual, o vírus zika circula em quase 60 países em todo o mundo e 39 países são das Américas, não existe qualquer justificativa para adiar ou cancelar os jogos.  A OMS continuará acompanhando a situação e irá atualizar as recomendações sempre que necessário. A entidade recomendou que as mulheres grávidas não viajem para áreas de riscos e também alertou, em fevereiro, como emergência global a expansão do vírus zika nas Américas.

Publicidade

Pau Gasol, jogador de basquete espanhol, pode não ir para os Jogos Olímpicos por causa do zika vírus

Pau Gasol pode não participar dos Jogos Olímpicos no Rio de Janeiro devido a preocupações com vírus zika. O jogador de basquete espanhol disse que não havia muita incerteza sobre a situação no Brasil e quem vai para o Rio de Janeiro deve decidir se vale a pena o risco. O pivô da seleção da Espanha e Chicago Bulls da NBA disse que outros atletas espanhóis também expressaram preocupação com o surto do vírus, e também podem não ir para os Jogos Olímpicos. "Não me surpreenderá se alguns atletas decidirem não pôr em risco a sua saúde ou suas famílias. É uma situação delicada", disse Gasol, que acrescentou que era um deles. #Rio2016 #Resenha Esportiva