O tempo vai fechar de vez na casa de Luzia em #Velho Chico. Sem conseguir conter o amor que sentem, Santo e Tereza se tornam amantes, mas o casal acaba dando bandeira demais perto de suas famílias. Assim, a esposa traída não é boba e acaba percebendo tudo o que está rolando com o marido. Confira a sequência que o site Notícias da TV divulgou!

A cisma de Luzia vira uma certeza quando os amantes sumirem no meio de uma festa em Grotas. Tereza quer conversar sobre a amizade de Miguel e Olívia, mas o casal acaba transando na mesa da cooperativa. Enquanto isso, a dona de casa começa a procurar pelo marido e vê a rival sozinha perto do trabalho de Santo.

Publicidade
Publicidade

Na mesma hora, a mãe de Olívia deduz que os dois estavam juntos e invade o local gritando pela "vagabunda".

Com a porta da cooperativa destrancada, Luzia flagra o Santo arrumando a mesa. O escritório estará todo bagunçado após a transa com Tereza e o o agricultor tenta disfarçar a situação. Com ironia, ele responde que a filha do coronel deve estar debaixo dos papéis. "Estou vendo não. Estou sentindo o cheiro dessa cutruvia! E não está só aqui. Não é de hoje que está em tua roupa, em teu pescoço, está em tudo", acusa ela.

Santo insiste que isso é besteira de Luzia e avisa que não está com humor para aguentar crise de ciúmes da esposa. Sem se importar com a impaciência do marido, ela pergunta se é ali na cooperativa que ele "se enrosca com aquela uma". Em tom de chantagem, a dona de casa lembra que o local foi construído "para honrar a memória de Miro e do capitão Rosa". "É desse jeito que você está honrando a memória deles? Se deitando com a filha do assassino dos dois?", questiona a esposa traída.

Publicidade

Com raiva, Santo a manda calar a boca, mas Luzia continua suas acusações perguntando o que ele faz na cooperativa tão tarde. Sem ter resposta, ela conclui que o marido vem se encontrando com Tereza no escritório e que aquela noite não foi a primeira vez. (E não foi mesmo, Tereza e Santo se declaram na igreja e, desde então, não se largam mais).

Luzia fica com cada vez mais raiva e começa a dizer que Tereza é uma rameira por baixo de tanta fineza. Santo segura a esposa pelo braço e pede que ele pare mais uma vez. "Não há homem que me cale! Muito menos você, Santo", responde ela. A dona de casa chama o marido de traidor, diz que ele não merece a família que tem e dá um tapa na cara do companheiro. É desse jeito que o amante de Tereza se enfurece de vez e segura seu impulso para revidar. #Novelas #Conectados