Após causar muita confusão com o caso de assédio a uma repórter do site Portal IG, o funkeiro MC Biel fez uma exigência a respeito de como quer ser tratado. A informação foi dada pela jornalista da TV Record, Fabíola Reipert, em seu canal pessoal no Youtube, o "Eles apronta, Eu conto". A página já tem mais de 65 mil inscritos e no vídeo ela fala que Biel agora não quer mais ser reconhecido como um funkeiro, tal como Anitta e Ludmilla. Mc Biel quer ser chamado apenas de "Biel".

A jornalista debochou e falou que vai chamá-lo como bem entender, tal como continuou fazendo com as duas cantoras saídas do funk direto para o POP brasileiro.

Publicidade
Publicidade

"Dependendo da educação da criança, ela não faz essas baixarias que ele está fazendo, né?", começou a comunicadora.

Ela lembrou o caso de assédio, logo no começo do vídeo.

"Para começar, teve o caso da repórter, que ele disse que levaria ela no motel para dar uma 'estupradinha'. Uma 'estupradinha básica', não é? E falou outras coisa para a menina, falando algumas coisas desrespeitosas. Agora surgiu uma outra menina que falou que durante a entrevista ele perguntou se ela não queria fazer as perguntas no colo dele", disse.

A jornalista também questionou se MC Biel não tem assessoria de imprensa para cuidar da sua carreira já que, na visão dela, o pai apenas "passa a mão na cabeça" o cantor.

"Se ele quer ser machista, ele deve ser machista dentro da casa dele e não publicamente. Ele é uma pessoa pública", lembrou.

Publicidade

MC Biel também teve sua participação em alguns programas de televisão, como o "Domingão do Faustão", onde iria fazer a "Dança dos #Famosos". Além disso, o Comitê das Olimpíadas que o convidou para carregar a Tocha Olímpicada cancelou a passagem do ídolo pelo evento.

"Só porque ele acha que é sósia do Justin Bieber ele merece levar a Tocha?", questionou Fabíola.

A jornalista também atacou as fãs de Biel, que chegaram a dizer que não viram a atitude do cantor como desrespeitosa e gostaria que ele falasse do mesmo jeito com elas.

"Como esse povo não se valoriza, não é?", debochou ela.

Assista abaixo o vídeo completo:

Veja também o pedido de desculpas do cantor após o assédio:

#Música #Internet