Na tarde desta sexta-feira, dia 17 de junho, foi postado um vídeo no canal Porta dos Fundos a fim de divulgar o filme do grupo surgido na #Internet. Os amigos atores decidiram chamar para gravar em parceria nas ruas do bairro do Catete, zona Sul Carioca, ninguém menos do que o Carreta Furacão, grupo de humor, dança e animação de rua de Ribeirão Preto, estado de São Paulo. O "crossover" foi postado no fim da tarde e promete chamar atenção para o vídeo, já que em poucos minutos que ficaram na rua da cidade reuniram dezenas de pessoas ansiosas por fazer fotos e vídeos do Porta e Carreta dançando juntos.

Veja abaixo o vídeo do Carreta Furacão e Porta dos Fundos dançando juntos e caia na gargalhada:

Contrato vitalício

O filme do grupo Porta dos Fundos será lançado no próximo dia 30 de junho, quinta-feira, com direção de Ian SBF e estrelado por Gregório Duvivier (interpreta Miguel) e Fabio Porchat (Rodrigo).

Publicidade
Publicidade

A história fala de quando a dupla ganha um prêmio importante no #Cinema internacional, saem para comemorar e, bêbados, assinam um guardanapo encarado desde então como um contrato vitalício. A garantia é que Rodrigo estrelaria todos os filmes de Miguel dali para frente. Após o ator sumir por dez anos e retornar, ele tem uma ideia nova e obrigado o amigo a gravar o longa, que aparentemente é uma grande furada.

Fenômeno da web protestou contra Dilma

O grupo chamado pelo Porta dos Fundos para o vídeo causou polêmica na internet no último semestre quando prometeu ir à Brasília durante a votação do impeachment da presidente Dilma Rouseff (PT). Eles iriam pedir a expulsão da governante por crime de responsabilidade. O assunto ganhou tanta repercussão que chegou a ser veiculado pela imprensa internacional, como o site BBC Brasil.

Publicidade

Tudo começou quando o Movimento Brasil Livre disse que ia levar o Carreta para Brasília. Porém, até mesmo o dono da marca "Fofão" se manifestou e "barrou" a ida do personagem ao protesto, pois não queria ver sua criação associada à política.

O Carreta já têm milhões de acessos no Youtube e já eram conhecidos em 2007. Porém, a popularidade aumentou quando os vídeos das dancinhas e ousadias aprontadas em Ribeirão viralizaram em 2016 no Facebook. #Famosos