Moana vem aí. E a Disney divulgou ontem seu primeiro teaser internacional, em que a nova princesa aparece ainda bebê, brincando com o mar.

A personagem terá dublagem original da estreante Auli’i Cravalho, de apenas 14 anos, mas ainda não se sabe quem dará voz à personagem no Brasil. Cravalho foi escolhida entre centenas de concorrentes no Havaí, em outubro do ano passado. Estudante do Ensino Médio, Cravalho chegou a declarar na época que achava que jamais seria a escolhida.

O 56º filme produzido pela Walt Disney Animation Studios conta a história da jovem Moana, de 16 anos, numa tribo da Oceania. Descendente de uma linhagem de navegadores, ela se aventura no Oceano Pacífico, protegida pela divindade Maui (voz de Dwayne Johnson).

Publicidade
Publicidade

Dwayne é conhecido principalmente por seus trabalhos de ação como na franquia Velozes e Furiosos e, mais recentemente, na série Ballers, da HBO. No entanto, o ator já se arriscou também em filmes "família" como O Fada do Dente e Treinando o Papai.

Moana tem direção de Ron Clements e John Musker (famosos por “Aladdin” e “A Pequena Sereia”) e, além de Johnson, o #Filme conta no elenco também com Alan Tudyk (Detona Ralph) e Phillipa Soo, atriz de musicais.

“Moana é uma sonhadora indomável, determinada e apaixonada, com uma conexão única com o oceano”, disse o diretor John Musker durante o lançamento do teaser. As informações são do site HitFix.

Ele continua: “Ela é o tipo de personagem pelo qual todos nós torcemos e nós mal podemos esperar para apresentá-la ao mundo”.

Ao que tudo indica, Moana vem perpetuar uma nova safra de princesas fortes e lutadoras.

Publicidade

É certo que a Disney já namorava o assunto desde Bela (A Bela e a Fera, 1991), Pocahontas (1997) e Mulan (1998), mas foi com Merida (Valente, 2012) e principalmente Frozen (2013) que os estúdios estabeleceram de vez a ideia de princesas independentes e decididas.

Moana vem a ser a primeira princesa polinésia da Disney. O filme estreia no final do ano nos Estados Unidos e a previsão de estreia no Brasil é para janeiro de 2017.  #Entretenimento #Cinema