O nascimento do filho de Candinho e Filomena faz com que o casal decida ficar juntos de uma vez por todas em Êta Mundo Bom. O reencontro do casal foi emocionante e agora os pombinhos não se separam mais! Assim, o caipira leva a futura esposa para morar com toda a sua família na mansão de Anastácia; fazendo com que a madame finalmente tenha um momento de acerto de contas com a nora.

Segundo a colunista do Extra, a sequência de Êta Mundo Bom começa com a chegada de Filomena à mansão. Candinho percebe que a amada está tremendo e ela explica que teme como a futura sogra irá tratá-la. Ela desabafa que acredita não ser aceita como a esposa do caipira. O protagonista entende e afirma que sua mãe não é um bicho de sete cabeças, tentando encorajar a moça.

Publicidade
Publicidade

Então eles entram na mansão e Candinho apresenta sua família para Anastácia. Emocionado, o caipira explica que o filho tem o seu nome e a madame pede para carregar o neto. Já com o bebê nos braços, a ricaça começa a chorar de emoção e tem um momento de cumplicidade com Filomena. Mas logo em seguida a noiva volta a ficar tensa ao ouvir o convite da futura sogra para que as duas conversem à sós.

Acerto de contas em Êta Mundo Bom

Filomena começa na defensiva e diz que Anastácia não tem motivos para apoiar o casamento do filho. "Eu tenho um passado”, lembra a caipira. Sozinhas do escritório, a madame não facilita as coisas ao lembrar que a futura nora foi casada com um homem que poderia ser seu avô; além de ter trabalhado no dancing. Então Filó desabafa toda sua história desde que saiu da fazenda. Ela explica que Ernesto fez ameaças contra Candinho, o que a fez obedecê-lo para garantir a segurança do amado.

Publicidade

Anastácia fica perplexa e Filomena explica que o bandido garantia que daria uma surra ou faria alguma coisa pior com Candinho. "Então eu aceitava tudo o que Ernesto queria", justifica a nova mamãe. Em seguida, ela revela que se casou com o comendador para que seu filho não ficasse desamparado. A madame questiona o motivo da moça não ter falado da gravidez para o papai, e Filó responde que tentou dizer, mas o amado já estava convencido de que ela era uma aproveitadora.

Após tantas explicações, Filomena encerra: "esta é a minha história. Sou uma moça com um passado. Ainda sirvo pra me casar com seu filho?”. Anastácia fica satisfeita com a conversa e responde que nunca foi capaz de julgar. Apesar de saber que a futura nora tem um passado, a ricaça decreta que o importante é o futuro e pergunta se ele será uma boa esposa. “A melhor, dona Anastácia. A melhor”, diz a caipira, fazendo com que as duas se abracem. #Novelas #Eta Mundo Bom #Conectados