Sem o apoio de Araújo, que flagra Sandra e Ernesto juntos, a vilã tenta uma última alternativa para fugir da cadeia em Êta Mundo Bom. Ela decide oferecer uma fazenda para Anastácia. Em troca, a tia desistiria do processo contra a loira por ter falsificado as assinaturas ao roubar os bens da madame. Mas a resposta de Candinho e seu fiel amigo Policarpo darão a lição que a megera tanto precisa.

Tudo acontece na véspera da audiência de Sandra no tribunal. Como Araújo se une a Celso e Anastácia para colocar a loira na cadeia, a vilã ainda acredita que o advogado não irá se complicar dizendo toda a verdade; mas, esperta, ela prefere garantir uma nova chance para se safar da prisão.

Publicidade
Publicidade

Vale lembrar que o administrador da fábrica realmente terá medo de confessar a verdade para a justiça, pois não quer ser preso e deixar o filho desamparado.

Assim, Sandra reúne toda a sua cara de pau e bate na porta da casa de Pancrácio. Com a certeza de que Anastácia não terá meios de provar a fraude da sobrinha, a loira pede para conversar com a madame. Candinho é o primeiro a atender a prima e questiona o que ela pensa em fazer em sua casa, deixando claro que não admitirá que sua mãe seja desacatada.

Ignorando Candinho, Sandra propõe que Anastácia retire o processo, alegando que cometeu um erro em Êta Mundo Bom. "Assim podemos chegar a um acordo", inicia a vilã. Mostrando benevolência, a loira afirma que está disposta a oferecer "uma fazendinha" para a tia desistir da ação da justiça.

Publicidade

Desconfiado, o caipira duvida que a prima realmente cumpriria o combinado. E Sandra usa ironia para responder que daria a fazenda para o primo viver com "o burro e com a burra com quem se casar".

Para convencer Anastácia, Sandra revela que conseguiu o laudo de um psiquiatra alegando incapacidade da tia. Assim, a vilã prevê que sairá vitoriosa do processo enquanto a madame deve terminar seus dias em um hospício. Maria e Celso ficam preocupados e aconselham a aceitar a proposta, mas Candinho toma a frente e diz que não aceita.

Irritado com as ameaças, Candinho manda Sandra ir embora de sua casa em Êta Mundo Bom. Ela se recusa e o caipira toma uma decisão: "Dá us tratu nela, Policarpo". Ele abre a porta para a prima ir embora e a loira grita por socorro. Segundo o roteiro divulgado pelo Notícias da TV, a vilã voará até a calçada após receber um coice do burro! #Novelas #Eta Mundo Bom #Conectados