Como já foi noticiado, muitos internautas, críticos e até mesmo fãs, ficaram descontentes com as indicações do Emmy Awards 2016, principalmente com relação ao seriado “#Game of Thrones”, da HBO, que liderou com vinte e três indicações.

Como qualquer fã, que faz maratona de séries e tudo, George R.R. Martin – autor da saga literária “As Crônicas de Gelo e Fogo”, que deram origem a GOT - ficou insatisfeito com a ausência de Outlander na competição.

Um leitor de seu blog foi respondido pelo próprio autor: “Outlander foi furtado. Os três protagonistas foram magníficos… Principalmente Tobias Menzies em seu papel dobrado, atuando como Black Jack e Frank”.

Publicidade
Publicidade

A insatisfação de Martin não é de todo uma surpresa, pois a criadora de Outlander, Diana Gabaldon, é sua amiga pessoal há anos.

Game of Thrones, dentre tantas categorias, está concorrendo por ‘Melhor Série Dramática’ e ‘Melhor Atriz/Ator Coadjuvante’, e logicamente, George também fez questão de comentar sobre a série que é fruto de seu trabalho: “Nas categorias de atuação, essa foi a melhor temporada para Game of Thrones. Me deixou contente, principalmente ver Kit (Harington) e Maisie (Williams) sendo reconhecidos pela Academia. Finalmente!”, reconhecendo que ele e a HBO tem muito a comemorar.

É o quinto ano consecutivo que a série entra na lista da premiação. No ano passado, recebeu vinte e quatro indicações e levou doze estatuetas.

Agora, a pergunta que não quer calar: Por que George R.R.

Publicidade

Martin anda fazendo maratonas de outros #Seriados ao invés de finalizar “Os Ventos do Inverno”? Os fãs estão aguardando o sexto volume da saga há pelo menos cinco anos, e Martin perdeu o prazo de entrega duas vezes até adiar indeterminadamente. Em um bate-papo com o também autor, Stephen King, Martin perguntou a ele o segredo de sua escrita rápida e também se nunca tinha acreditado que não possuía talento e que todas as suas obras foram apenas um momento de canalização. Bloqueio de escritor?

A sétima temporada de Game of Thrones foi adiada para o segundo semestre de 2017, para que as gravações ocorressem durante o inverno. Os leitores estavam esperançosos que o livro fosse ser lançado até o lançamento da nova temporada, afinal, a HBO passou na frente dos livros e pela primeira vez, eles se encontram “perdidos”. Será que Martin publica até lá? Um mistério. #Televisão