O Programa do Jô, que está em sua última temporada na Rede Globo de Televisão, teve uma atração que chamou a atenção na noite desta terça-feira, dia 12 de julho. Ninguém mais, ninguém menos que Neymar foi ao programa e falou sobre vários assuntos, entre eles, Jogos Olímpicos, Tite, Messi, Copa do Mundo de 2014 e sobre seu filho.

Foi a terceira vez que #Neymar foi ao Programa do Jô. A primeira foi em 2010, com 18 anos, com os jogadores do Santos que estavam em ascensão na época. E em 2013, um ano antes da Copa do Mundo de 2014. 

Durante a entrevista, Neymar disse que a escolha de ir para os Jogos Olímpicos foi "mais ou menos" sua.

Publicidade
Publicidade

O Barcelona deu o direito para ele escolher entre Copa América Centenário ou Olimpíadas e o craque foi na segunda opção, pois tem o sonho de conquistar o único título que a seleção brasileira não possui.

Jô perguntou para ele como será agora trabalhar com o técnico Tite, que assumiu a seleção brasileira recentemente. Neymar brincou dizendo que primeiro precisa ser convocado, mas depois falou que será um prazer trabalhar com Tite e espera uma evolução da seleção. 

Outro assunto que foi comentado durante a entrevista foi sobre o craque Lionel Messi, com quem atua no Barcelona. Neymar disse que é uma pena o argentino anunciar que não vai mais atuar pela sua seleção. Falou que acredita que Messi vai repensar sobre o assunto e que todos querem ver ele novamente em campo com a camisa da Argentina.

Publicidade

"A rivalidade a gente deixa pra dentro do campo, queremos sempre ver os melhores jogando e o Messi hoje é o maior jogador do mundo", concluiu Neymar. 

O craque também falou sobre o susto que tomou após a pancada nas costas de Zuniga, no jogo diante da Colômbia, na quartas de  finais da Copa do Mundo de 2014, que o deixou de fora do fatídico 7 a 1. Neymar disse que o susto foi enorme e assim que recebeu a notícia que estava fora da competição chorou demais. "Foi a pior semana da minha vida. O médico falou que se a mesma pancada fosse dois centímetros para o lado eu poderia estar hoje numa cadeira de rodas".

No final da entrevista, Neymar falou que seu filho não gosta de futebol. Que recentemente chamou o Daví Lucca para treinar com bola e a resposta foi a seguinte: prefiro ficar aqui com meu iPad. O craque falou também que não gosta muito de assistir futebol, que prefere estar em campo e que dificilmente vê jogos. Declarou também que sua paixão é o poker.

Neymar estava acompanhado pelo seu pai e foi o único entrevistado da noite no programa. #Entretenimento #Televisão