Há mais ou menos vinte dias, o Comitê Olímpico anunciou que a funkeira Anitta, bem como os cantores Gilberto Gil e Caetano Veloso, seriam os artistas responsáveis pela abertura da Rio 2016. Embora muitas pessoas insatisfeitas com a escolha do COI tenham divulgado na internet que a apresentação tinha sido cancelada, a morena confirmou sua presença para "O Globo".

#Anitta disse que no dia do evento adotará um estilo mais comportado e não pretende usar roupas sensuais, nem cantar os funks que a tornaram conhecida. Embora a morena não tenha dado detalhes sobre a apresentação, o estilo musical adotado para o dia 5 de agosto será o MPB (Música Popular Brasileira).

Publicidade
Publicidade

Anitta fala sobre críticas às #Olimpíadas

Nessa quarta-feira, 28, Anitta deu uma entrevista ao jornal "Extra", na qual disse não se importar com as críticas que tem recebido por ter sido escolhida para participar da abertura das Olimpíadas. A funkeira disse que está feliz por ter sido convocada, mas também está ciente que o momento não é dela, mas sim do evento, que é histórico para o Brasil.

A cantora aproveitou para dizer que as pessoas deviam aproveitar para dar um bom dia aos visitantes da competição esportiva ao invés de se dedicarem a ficar desferindo críticas gratuitas na internet.

Anitta também descarta usar o evento para promover sua carreira internacional. Segundo a morena, o objetivo é fazer uma boa apresentação com os colegas que também foram convidados e que sua carreira internacional será planejada.

Publicidade

Anitta concorda que as Olimpíadas podem ajudar na visibilidade dela como artista, mas afirma que não pretende começar a investir no exterior nesse momento. A cantora lançou o sucesso ‘Bang’ em inglês e seu próximo single ‘Sim, não’, foi gravado no México com um cantor latino.

A cerimônia

A cerimônia de abertura das Olimpíadas acontecerá a partir das 20h no estádio do Maracanã, no Rio, no dia 5 de agosto e tem previsão de término às 23h, segundo divulgações da imprensa oficial no último final de semana.

O evento contará com cerca de 15 mil atletas de todas as delegações participantes, além de chefes de Estado de vários países, como o presidente da França, François Hollande. Também foram convidados o atual presidente da república, Michel Temer, que será o responsável por anunciar o início dos Jogos Olímpicos do Brasil, e os cinco últimos presidentes vivos do Brasil - Lula e Dilma já informaram que não comparecerão. Não há informação oficial sobre a presença de Fernando Henrique, Fernando Collor e José Sarney. #Rio2016