Mais uma vez, o Silvio Santos, que é dono do canal de TV aberto #SBT, surpreendeu o Brasil com uma proposta incrível e que abre um leque de oportunidades para jornalistas freelancers. O patriarca da emissora está pagando 10 mil reais para quem enviar assuntos ou matérias que possam ser exibidos em seus  programas jornalísticos e de entretenimento.

As matérias devem, obrigatoriamente, ter fontes e fatos verídicos para que uma equipe da SBT venha averiguar e constatar os fatos, e assim, pagar sua denúncia ou matéria. As pautas dos assuntos podem ser sobre esquemas de corrupção, latrocínios e assuntos gerais que ocorrem na sua cidade, pessoas e animais com capacidades fora do comum. 

Se você acha que seu assunto é de cunho social e tem capacidade de arrematar grandes audiência para a emissora, então essa é uma ótima oportunidade de ganhar uma boa remuneração e ainda você terá uma espécie de "status", que avaliará a qualidade e a quantidade de artigos que você envia para ela, o que também o credibilizará como jornalista independente.

Publicidade
Publicidade

Mas cuidado para não cometer plágio ou citar injúrias sem realmente saber e ter provas do que você está enviado como material jornalístico para eles, porque isso pode acarretar uma série de implicações de processos jurídicos contra a pessoa que trabalha nesses parâmetros divulgado pela SBT.

Eventuais problemas internos que ocorreram na emissora

Segundo o blog do Maurício Stycer, esse propaganda feita pela emissora criou algumas situações, que digamos assim, "chatas", e que acabaram por levantar as seguintes questões internas na SBT:

  • A remuneração proposta determinou um novo nível para os funcionários da emissora do Silvio: nenhum funcionário quer fazer matérias jornalisticas com valor abaixo de 10 mil reais.
  • Como permite que as sugestões de artigos sejam feitas em anonimato, com o uso de um tipo de "codinome", não impede que os próprios colaboradores do SBT o façam.
  • As pessoas que gravam os vídeos amadores, os quais são usados nas reportagens, agora cobram para ceder os direitos dos vídeos.

Como enviar sua notícia

O envio das sugestões de pauta devem ser feitos por aqui: http://www.sbt.com.br/inscricoes/casosjornalisticos/.

Publicidade

Se você pretender arriscar, boa sorte! #Empregos