O seriado da FX, "American Horror Story" ganhou um novo teaser de sua sexta temporada, onde uma criatura semelhante ao Demogorgon de "Stranger Things", da #Netflix.

Os nomes confirmados do elenco até o momento são: Lady Gaga, Cheyenne Jackson, Sarah Paulson e Angela Bassett.

Com relação ao tema do novo ano, o diretor de programação do canal avisou que a revelação acontecerá apenas no dia da estreia e que os supostos teasers divulgados até então eram falsos.

Confira:

Sobre a criatura do Mundo Invertido...

A comparação com o monstro de Stranger Things se tornou viral, porque o novo seriado original da Netflix está no topo das séries mais populares do momento.

Publicidade
Publicidade

Sua aparência só foi completamente vista, às claras, no último episódio da temporada. A princípio a criatura parecia não ter face, mas acontece que a cabeça dele se abre, similar a uma planta carnívora.

O processo de criação do Demogorgon é extremamente interessante porque ele não foi feito com computação gráfica! Havia uma pessoa por trás vestindo uma fantasia, o artista performático Mark Steger.

Em recente entrevista cedida ao Vice, Mark foi questionado se o monstro interdimensional seria uma planta "É uma hipótese justa. Eu o vejo mais como um cogumelo. [...] O DNA desses fungos são semelhantes aos das plantas, mas também possui um pouco de animal. O monstro é algo mais. Ele pode sangrar. Me parece um pouco de animal e planta", explicou.

Com relação as cenas iniciais em que mal é possível ver o Demogorgon, Mark disse "Houve ocasiões em que eu tirava as pernas de pau para facilitar a movimentação.

Publicidade

Quando se está na mata, há pedras e galhos, e era instável. Mas era eu, trajado", revelou.

Outra questão comentada durante a entrevista, foi o processo de maquiagem, onde muitos atores enfrentam horas de preparo antes das gravações.

"Vestir a fantasia, honestamente, não era ruim. Durava em torno de quarenta minutos. Dependida de usar ou não a parte animatrônica. Eram duas cabeças, a que abria e a que ficava sempre fechada. As pernas de pau me deixaram mais ou menos dez polegadas mais alto. E haviam motores e baterias. Era um tanto complicado", contou.

O que a computação gráfica teria gerado então? "Realces digitais foram criados. Correções. Quando a cabeça da criatura se abria, meu rosto estava lá, e foi substituída digitalmente pela boca do monstro, contruída pela Spectral Motion" revelou Mark.

Será que assim como as pernas, o ator precisou alongar os braços?

"Eu manipulava os braços, mas as mãos eram animatrônicas. Meus braços era encobertos por aqueles tecidos verdes que podem ser removidos digitalmente depois. Eu era parte humano, e parte máquina, animando um monstro. Foi um processo difícil", expôs o ator.

#stranger things #Seriados