O humorista e apresentador do SBT Danilo Gentili usou o Facebook para dizer que foi intimado a comparecer à Secretaria da Justiça de SP para explicar o “uso de redes sociais”. Segundo o humorista, ele teve que se explicar sobre usar as redes sociais para "brincar com os meus seguidores". Ele comparou as perguntas do órgão aos “tempos de ditadura”.

Uma das perguntas que o humorista teve que responder foi: “Você acha que pode fazer qualquer piada ou entendeu que não é com qualquer coisa que se brinca?” A resposta de Gentili foi: “Essa pergunta é ridícula e me faz lembrar tempos de ditadura”. Declarou, ainda, que “pisou na bola”, pois a pergunta era nojenta e merecia um palavrão como resposta.

Publicidade
Publicidade

 

Segundo o Jornal Folha de São Paulo, o apresentador e humorista do SBT foi chamado a prestar depoimento por suspeita de crime de racismo. O processo, que está sob sigilo é de 2012, e analisa uma publicação em que o humorista respondeu um seguidor no Twitter. Danilo ofereceu bananas a um internauta negro. Danilo criticou a justiça afirmando ser assustador uma bancada usar o Estado do para analisar se uma pessoa pode ou não dizer algo.  Questionou sobre qual seria o passo seguinte: “tortura, prisão, fuzilamento?” Afirmou que eles adorariam que fosse isso mesmo e que estão trabalhando para que isso aconteça.

Politicamente correto

O politicamente correto faz referência a uma suposta política que consiste em tornar a linguagem neutra em termos de discriminação, como por exemplo uma linguagem racista ou sexista.

Publicidade

É uma tentativa de evitar que pessoas ou grupos sociais possam ser ofendidos.

Danilo Gentili está sempre envolvido com polêmicas. Pois se utiliza de um humor mais arrogante. Para algumas pessoas, nem se pode chamar de humor. Gentili milita contra o que chama de patrulha do politicamente correto. Afirma que o resultado desse moralismo travestido com o nome de ‘politicamente correto’ é sempre este: “um autoritarismo fofo, aplaudido pelos melindrosos”. Gentili declara que: “Esses patrulheiros não representam, de maneira nenhuma, a opinião das pessoas. As pessoas são muito mais bem-humoradas do que se supõe, muito mais inteligentes.” #Famosos #Racismo