Neste domingo, 21, o Brasil se despediu do maior evento que já realizou, uma Olimpíada. A #Rede Globo de Televisão também fez a maior transmissão de sua história. Apenas na TV aberta, foram mais de 200 horas de exibição de eventos ao vivo, fora os telejornais. O canal investiu R$ 800 milhões para mostrar as 19 medalhas do Brasil e as centenas dos demais países. Coube ao Maracanã, maior estádio do país, ajudar a dizer o adeus dos jogos. A despedida fez com que a equipe da Rede Globo ficasse visivelmente emocionada. Em diversos momentos, o narrador veterano, Galvão Bueno, não controlava a emoção. Ele precisou ser amparado pelos colegas, que também não seguraram a emoção. 

Ao final da transmissão, o "chororô".

Publicidade
Publicidade

O diretor de esporte do canal, Renato Ribeiro, que participou ativamente com o Comitê Olímpico Internacional da organização para as transmissões, disse que muita gente não acreditava que o Brasil seria capaz de realizar uma Olimpíada, mas que mostramos que não só era possível fazer, como também era possível fazer a melhor Olimpíada de todos os tempos. "Hoje eu tenho certeza que todo mundo que olha no espelho vai dizer que tem orgulho de ser brasileiro. Hoje a gente não tem mais nenhuma vergonha", completou #Galvão Bueno, pedindo desculpas pela voz estar completamente embargada. 

Gloria Maria e Marcos Uchôa também integraram o time da abertura e do encerramento dos jogos. Eles apareceram com os olhos marejados, dominando comentários na internet em uma cerimônia marcada pela alegria do povo brasileiro, especialmente da maior festa de nosso país, o Carnaval.

Publicidade

Galvão Bueno lembrou que uma Olimpíada não irá resolver os problemas do Brasil, que muita coisa precisa ser feita, mas que hoje os brasileiros estão sendo felizes. 

Graças à cobertura histórica, a Globo massacrou a concorrência. Na TV aberta, os jogos também foram mostrados pela Band e pela Record, mas o canal carioca realmente sugou todas as atenções. A maior audiência foi registrada nesse sábado. O jogo do Brasil teve picos acima dos 40 pontos na grande São Paulo. Um recorde da última década no esporte.  #Famosos