#Usain Bolt, o homem mais rápido do mundo, aproveitou ao máximo sua passagem pelas #Olimpíadas do Rio de Janeiro, não só dentro do atletismo, mas também fora dos estádios. Quando a noite chegava, ele saía para curtir a noite carioca e foi assim que conheceu Jady Duarte, a brasileira que fisgou o corredor. A estudante de 20 anos fez questão de guardar aquele momento em fotos que, segundo ela, foram compartilhadas apenas com uma amiga e que acabaram vazando, vindo a se tornar um dos assuntos mais comentados nas redes sociais.

Famosa, Jady Duarte agora já tem empresário e cobra para dar entrevista, pois está sendo assediada não só pela imprensa brasileira, mas também a internacional.

Publicidade
Publicidade

E foi para o jornal britânico, Daily Mail, que ela contou todos os detalhes da noite que passou com Usain Bolt, que conquistou 3 medalhas de ouro nas Olimpíadas no Rio de Janeiro.

De acordo com a estudante, eles se conheceram em uma boate na Barra da Tijuca, onde o atleta chegou, e logo foi rodeado por fãs. Entretanto, ela alega que não o reconheceu em um primeiro momento, já que haviam vários jamaicanos no local. Algum tempo depois, Bolt teria tomado a iniciativa de se procurá-la.

Bem à vontade, o corredor levantou a blusa e mostrou seus músculos, chamando a atenção da jovem que não resistiu e quis tocar na barriga sarada do atleta. Ela garante que os músculos são tão duros que parecem uma pedra, e que ficou tão encantada com aquele abdômen perfeito que nem teria reparado que se tratava do maior corredor de todos os tempos.

Publicidade

Ainda de acordo com Jady Duarte, o tempo foi passando e ela continuava sem saber de quem se tratava, quando um dos seguranças de Bolt se aproximou dela e disse que ele a estava convidando para visitar a Vila Olímpica e ela recusou só para fazer "jogo duro". Mais tarde, o segurança voltou a procurá-la por insistência do corredor e mais uma vez ela recusou. Somente na saída da casa noturna, quando Bolt a procurou pessoalmente, é que ela aceitou, pois ele fez sua famosa pose de "raio" e então ela não resistiu.

Jady se entregou ao atleta que a levou para a Vila Olímpica e, por estar acompanhada do corredor, conseguiu entrar sem problema algum. Eles foram para o quarto de Bolt e ela conta que o corredor é tão grande que seus pés até ficaram de fora da cama. Para se comunicarem, segundo a estudante, foi utilizado um tradutor na internet, mas ela já sabia que ele estava interessado em transar. A noite foi quente, apaixonante, conta Jady Duarte, que descreveu o momento da seguinte forma: "Nós devoramos um ao outro."

Empolgada, a estudante fez questão de dizer que, apesar de ser um grande atleta, suas partes íntimas são como de qualquer homem e ainda brincou que não foi uma transa rápida, como ela imaginaria que fosse, mas bem demorada; ficaram juntos por mais de meia hora e depois fizeram novamente. Apesar do atleta se recuperar rapidamente, ela contou que não teve a terceira vez e assim foi a noite da brasileira com o homem mais rápido do mundo. #Famosos