Neste sábado, 20, a Rede Globo de Televisão teve a sua maior audiência em toda a Olimpíada do Rio de Janeiro. A inédita medalha de ouro para o #Futebol masculino trouxe à emissora carioca uma de suas maiores audiência na década do futebol. Em pleno 2016, com três canais abertos (além da Globo, Record e Band também exibiram o jogo), TVs fechadas, rádio e internet, o canal da família Marinho conseguiu ter mais Ibope do que na final da Copa do Mundo de 2014. Naquela ocasião, a Globo teve 29 pontos de média e a Band 8 pontos. Cada ponto representa hoje 69 mil domicílios na maior cidade do país. 

Dois anos depois, com um investimento milionário, o canal viu o Ibope crescer.

Publicidade
Publicidade

Os números chegaram a superar os 45 pontos de pico no Rio de Janeiro e 40 em São Paulo. O narrador Galvão Bueno, que não conseguia tamanha façanha há anos, agradecia o fato do telespectador ter escolhido a Globo e ele para ver a vitória. Bueno, que levou no ar uma invertida de Neymar pelas críticas que fez, disse que o bom resultado era virtude do bom futebol vivido pelo momento na seleção. 

Entre 17h30 e 20h10 no horário de Brasília, a Globo teve 35 pontos de média e 53% de participação na grande São Paulo. A audiência é 11 pontos maior do que costuma se dar no horário em dias muito bons. A TV Bandeirantes teve 6 pontos e a Record 5. Ou seja, somadas, apenas as emissoras abertas tiveram inacreditáveis quase 50 pontos. Números que só eram vistos há décadas na grande São Paulo.

No Rio de Janeiro, que recebe a Olimpíada, o Ibope foi ainda mais satisfatório, com a Globo fechando com 37 pontos do Ibope.

Publicidade

E futebol costuma ser visto em grupo, o que faz a audiência ser ainda maior. Os 46 pontos só da TV aberta em São Paulo trazem mais de três milhões de TVs ligadas na maior cidade do país, o que representa pelo menos 10 milhões de pessoas. 

É bom lembrar que os dados oficiais só serão divulgados na segunda-feira, 22, quando outros números também serão exibidos. Das redes abertas, apenas a Record teve queba com os jogos.  #Rio2016 #Rede Globo