Uma das #Novelas mais aguardadas e pedidas para ser exibida no #SBT parece estar finalmente próxima de ganhar sua exibição.

Isso porque, depois de muita espera, "La Que No Podía Amar", ao que tudo indica, será a substituta ou de "Lágrimas de Amor" ou do sucesso de Maite Perroni. "A Gata".

Tais boatos ganharam força essa semana, depois que se soube por fontes seguras que a atriz Ana Brenda Contreras, protagonista da trama, provavelmente virá ao Brasil agora em novembro e aproveitará a ocasião para gravar chamadas para a trama, que teria seu nome mudado e passaria a se chamar "Proibido Amar".

"La Que No Podía Amar" conta a história da recém formada em enfermagem Ana Paula, que não tem muitas ambições.

Publicidade
Publicidade

Ela mora com a tia e o irmão, além de contar com o apoio de Daniela, sua amiga desde a infância. Desempregada, Ana Paula é obrigada a procurar um emprego para ajudar sua pobre família. Sem muitas opções, por acaso consegue trabalho como cuidadora de um paraplégico. Rogelio Montero é inteligente, rico, autoritário e mal-humorado. Preso a uma cadeira de rodas depois de um acidente de cavalo, o antes ativo e esportivo Rogelio desconta toda a sua amargura em quem estiver por perto. Tudo parece pequeno e sem graça para ele, que sabe exatamente como dar um fim a esse sentimento. O que Rogelio não sabe é que Ana Paula está prestes a trazer cor a sua vida. E nenhum dos dois desconfia de que irá mudar para sempre a história um do outro.

A trama também conta com Jorge Salinas, famoso por aqui pelo sucesso recém acabado "Meu Coração é Teu", como seu protagonista masculino, que inclusive tem muito mais destaque que a mocinha.

Publicidade

Entre os nomes da produção ainda estão Suzana Gonzales, Ana Matín, Fabián Robles, Ingrid Martz e muitos outros.

Vale lembrar também que há mais ou menos um mês, a própria Ana Brenda chegou a postar a hashtag #LaQueNoPodíaAmarnoSBT em sua conta no twitter. Fato esse que, claro, levou os fãs brasileiros da trama a loucura. Agora, se na época do ocorrido a novela já estava confirmada internamente ou se era apenas uma campanha de Ana, não sabemos. O importante é que parece ter funcionado. #notícia