Virou caso de polícia as ameaças de assassinato contra a apresentadora Ana Hickmann, da TV Record. De acordo com informações do portal de notícias EGO em reportagem publicada neste sábado, 17, o marido da comunicadora, Alexandre Correa, precisou prestar um registro de ocorrência na Polícia de São Paulo. As ameaças contra a loira estão sendo feitas na internet. Em contato com o EGO,  a assessoria da contratada da Record confirmou que de fato Alexandre foi à delegacia, de onde prestou queixa. Nesta semana, o assunto mais comentado foi a morte do ator Domingos Montagner. Fotos do corpo do ator chegaram a ser divulgadas na web

Segundo a assessoria que representa o casal de famosos, por enquanto, essa seria a única informação que os jornalistas poderiam saber sobre o caso.

Publicidade
Publicidade

O marido de Ana também não quis comentar o ocorrido através de entrevistas. No entanto, ele já havia falando sobre as mensagens de ódio contra a esposa usando a mesma arma que os supostos agressores, as redes sociais. Uma das publicações feitas pelo empresário mostra uma foto de um usuário do Instagram dizendo que iria matar a apresentadora.  Alexandre chegou a ironizar os apelos dos criminosos: "Meu Deus, que medo de você."

As ameças contra a apresentadora acontecem poucos meses depois dela ter sido sequestrada. #Ana Hickmann estava hospedada em um hotel em Belo Horizonte, Minas Gerais, quando tudo aconteceu. Ela foi sequestrada por um fã, Rodrigo de Pádua, que a ameaçou de morte. No local, também estava o cunhado da celebridade, que após entrar em uma luta corporal, acabou matando o criminoso. 

As novas ameaças mobilizaram os fãs: 

"Acabei de ler que você é Ana foram ameaçados! Pelo amor de Deus, todo cuidado é pouco.

Publicidade

O mundo está cheio de pessoas loucas, que estão cada vez mais distante de Deus... Veja bem, quem na vida poderia imaginar que Ana passaria o que passou ? Nós nunca achamos que coisas ruins acontece com a gente. Mas infelizmente acontece! Antes preveni do que remediar, não ironize tudo na vida, às vezes pode realmente acontecer! Que Deus abençoe vcs!" #Crime