A atriz mexicana #Gabriela Rivero abalou a infância de muita gente ao revelar, em entrevista ao programa de TV peruano "Mathi Nait", curiosidades sobre os bastidores da versão original de "#Carrossel", que protagonizou em 1989 no México. Entre outras anedotas, a estrela de 52 anos revelou que os então atores mirins Pedro Javier Viveros (Cirilo), Jorge Granillo (Jaime Palillo) e Mauricio Armando (Paulo) fumavam nos intervalos das gravações.

"Às vezes os encontrava fumando escondidos no camarim. Eu perguntava: 'de onde tiraram os cigarros?', e eles respondiam que os haviam achado na minha bolsa!", contou a intérprete da inesquecível professora Helena, esclarecendo, em seguida: "mas eles só fumavam tabaco, nada mais que isso."

Gabriela Rivero lançou-se à fama no México em 1987, com um papel coadjuvante na novela "El Camino Secreto".

Publicidade
Publicidade

A popularidade alcançada neste trabalho foi tanta que lhe rendeu o papel principal de "Carrossel", projetando a atriz para todo o mundo. O sucesso foi tanto que Gabriela interpretou a professora Helena também na continuação da história, intitulada "Carrossel das Américas" e produzida em 1992. Ambas as #Novelas foram exibidas no Brasil pelo SBT - a primeira com estrondoso sucesso, em 1991, com várias reprises posteriormente; e "Carrossel das Américas", em 1996, com audiência abaixo do esperado.

Após protagonizar mais duas novelas - "Al Filo de la Muerte (1991) e "Sin Ti" (1997) -, a atriz retirou-se por longo tempo da mídia, retornando apenas em 2007, quando interpretou Fortunata na novela "Pasión" - trama esta veiculada no Brasil pela CNT em 2011, sob o título de "Paixão". Seu papel mais recente foi na novela "O Que A Vida Me Roubou", disponível em português na plataforma Netflix.

Publicidade

Inspirada no original argentino de Abel Santa Cruz, a versão mexicana de "Carrossel" foi um fenômeno de popularidade entre crianças de todo o mundo. O sucesso animou a Televisa a produzir uma outra versão em 2002, intitulada "Vivan los Niños" (no Brasil, "Viva às Crianças - Carrossel 2"), e também serviu de base para a adaptação realizada pelo SBT em 2012. Também intitulada "Carrossel", a trama nacional teve Rosanne Mulholland no papel principal e fez tanto sucesso que rendeu ainda um desenho animado, um seriado ("Patrulha Salvadora") e dois longas-metragens no cinema.