Nesta quinta-feira, 15, o Brasil perdeu um dos seus grandes atores, #Domingos Montagner, o 'Santo' de 'Velho Chico', novela das nove da Rede Globo de Televisão. Quis o destino que ele morresse afogado justamente nas águas que dão nome ao folhetim assinado por Benedito Ruy Barbosa, o Rio São Francisco. Fotos do ator morto chegaram a ser divulgadas nas redes sociais, o que irritou muito. Nesta segunda-feira, 19, por exemplo, o jornal 'Extra' divulgou uma entrevista inédita com o artista. Nela, Domingos fala sobre a família, seu personagem 'Santo' e os planos para o futuro, que ele não tinha a menor ideia do que poderia ser interrompido. 

Na novela, os índios são claros ao dizerem que a água dá a vida, não tira a vida.

Publicidade
Publicidade

Mesmo sendo urbano, criado em São Paulo, Domingos adorava a natureza. Seu primeiro grande papel de destaque em uma novela foi em 'Cordel Encantado', quando ele enfrentou o cangaço. Já em 'Velho Chico', a representação era mais voltada à realidade, na qual o tema é importante e atual, o Rio São Francisco. Ele disse na entrevista até então inédita que isso envolve questões políticas, sociais, geográficas e etc. Para Domingos, a história assinada por Benedito Ruy Barbosa acaba sendo um mergulho nos costumes. Ele ainda revelou que adora contar histórias. 

“Santo é ativo, forte, de luz. Ele toma as rédeas, toca a vida com propriedade, é ponta de lança", disse o ator,  que confessou adorar exercícios físicos e ser vaidoso nesse sentido, tentando manter o "corpão" em dia. Também ele explica que o protagonista de 'Velho Chico' envolve o público em situações que fazem o público refletir e que ele adora isso, pois se define como um ator esquizofrênico.

Publicidade

Para ele, o amor se fortalece com os entraves. Adorador do romantismo, Montagner lembra que sua geração era envolvida com letras poéticas, mas que pensar em um amor para a vida toda dá medo.

Ele diz que ninguém pode ficar com uma pessoa para sempre, mas que se entrega à esposa nos últimos 15 anos. À ela, o ator fez declarações de amor.  #Novelas