Nesta quinta-feira, 15, a Rede Globo de Televisão teve uma das suas maiores tragédias nos últimos anos. O protagonista da novela das nove (#Velho Chico), Domingos Montagner, de 54 anos, morreu depois de realizar um mergulho no Rio São Francisco. Ele estava próximo à atriz Camila Pitanga, seu par romântico no folhetim do horário nobre, quando não conseguiu vencer as águas do 'Velho Chico'. A expectativa é que o corpo do ator chegue à capital de Sergipe, Aracaju, às duas da madrugada desta sexta-feira, 16. 

De acordo com o site 'Notícias da TV', em reportagem realizada nesta quinta, a TV Globo decidiu trazer o seu elenco de volta do Nordeste para o Rio de Janeiro.

Publicidade
Publicidade

Com isso, as gravações dos últimos capítulos de 'Velho Chico' estão temporariamente canceladas. Tudo porque a equipe da história está muito abalada com o afogamento do profissional da dramaturgia. O colunista Daniel Castro, disse que não só os atores, mas outras pessoas da equipe técnica estão voltando para o Rio de Janeiro. Ainda não se sabe qual estratégia será tomada para terminar a história e como o personagem principal será substituído. As gravações iriam até o dia 18 na região. 

É bom lembrar que na história o personagem vivido por Domingos, Santo, chegou a renascer nas águas do Rio São Francisco. Um executivo do canal disse que não dá para pensar em que atitude tomar logo hoje, já que a tragédia ainda é muito recente e está doendo muito em todos. 'Velho Chico' acabará do dia 30. Na outra semana, estreará 'A Lei do Amor'.

Publicidade

Como tudo já aconteceu nos últimos capítulos da trama, não há possibilidade de encurtamento da novela. 

Ao todo, ainda faltam ser gravados quase uma semana de folhetim, sendo cinco capítulos. O ator que faleceu afogado tinha 54 anos e ficou conhecido em todo o Brasil por conta da novela 'Cordel Encantado'. O corpo do artista estava a cerca de cinquenta metros de onde Camila Pitanga o viu pela última vez. 

Não é a primeira vez que um protagonista de novela das nove morre em plena novela. Na década de 1990, Daniela Perez foi morta quando 'De Corpo e Alma' ainda estava no ar.  #Novelas