No último capítulo de Justiça, Elisa (Débora Bloch) acaba realizando sua vingança contra o assassino da filha. Vicente (Jesuíta Barbosa) morre no fim da minissérie da Globo, com a ajuda de um golpe do destino. Segundo a colunista Carla Bittencourt, do Jornal Extra, tudo acontece após um acidente de carro dos dois. Enquanto a mãe de Isabela (Marina Ruy Barbosa) sai do carro sem ferimentos graves, o rapaz acaba sendo fatalmente atingido. Então chega o momento da protagonista decidir se salva o assassino da filha ou acaba de vez com a vida do jovem.

Depois de sofrer a maior perda de sua vida, Elisa passa sete anos planejando e se preparando para o dia de sua vingança.

Publicidade
Publicidade

Assim, quando Vicente finalmente cumpre sua pena e sai da cadeia, a professora o espera na porta do local com uma arma em punho. Após passar todo esse tempo treinando tiro, a protagonista está pronta para atirar, mas acaba perdendo a coragem quando descobre que o assassino de sua filha virou papai.

É a partir desse momento que a relação de Elisa e Vicente dá uma reviravolta surpreendente em #Justiça. O ódio da mãe pelo assassino da filha começa a se transformar em paixão desde o momento em que ela descobre que a filha do assassino também se chama Isabela. Os dois se aproximam, ela vira madrinha da criança e eles chegam a jantar todos juntos como uma família. Logo Regina (Camila Márdila), esposa do rapaz, suspeita de que está sendo traída; e a intuição da mulher vira realidade.

Por sua vez, Heitor (Cássio Gabus Mendes), namorado de Elisa, também suspeita da mudança de postura de Elisa em relação a Vicente; mas o reitor acaba traindo a protagonista antes mesmo que algo aconteça entre o casal.

Publicidade

É em meio a tanta turbulência que Elisa percebe que precisa ficar perto do assassino da filha para sentir que a garota não foi embora de vez de sua vida... então os dois se entregam ao primeiro beijo.

É com esse enredo que, no último capítulo da história de Vicente e Elisa em Justiça, previsto para ir ao ar na próxima segunda (19), os dois estarão juntos no carro quando um acidente grave acontece. O rapaz fica em estado grave e Elisa não se machuca. Então, no momento de escolher entre a vida e a morte do assassino de sua filha, a professora decide não chamar socorro e assiste o jovem morrer em sua frente. #Entretenimento #Conectados