Que Silvio Santos é um gênio, isso todos nós sabemos, mas as vezes as estratégias utilizadas por ele assustam até os maiores fãs, colocando dúvidas se vão ou não dar certo. Uma das mais recentes foi não fazer parte do pool das emissoras que transmitiram os jogos olímpicos do Rio de Janeiro. Além de não gastar um centavo a mais, o SBT acabou vendo sua audiência crescer e não foi pouca coisa. Alguns produtos marcaram o recorde de mais de uma década. Um presentão para um canal que está a completar mais um ano de vida.

De acordo com informações do jornalista Ricardo Feltrin em matéria publicada neste sábado, 03, o #SBT fechou o mês de agosto em segundo lugar no Ibope de todo o Brasil.

Publicidade
Publicidade

A rede de TV de #Silvio Santos voltou a ficar à frente da Record e já dá um "sacode" na Globo, preocupando alguns programas, como é o caso do 'Jornal Nacional', que bate de frente com a novelinha 'Cúmplices de um Resgate', protagonizada pela atriz Larissa Manoela, que na trama interpreta gêmeas que se metem em muitas confusões. 

No horário nobre, o SBT fechou com quase dois dígitos. Entre 18h e 0h, o SBT fechou com 9,3 pontos de média. Essa audiência não era alcançada desde de 2005, quando a Record nem sonhava em fazer forte concorrência com o 'Homem do Baú'. Já na média das 24 horas, o resultado foi um pouco menor, 6 pontos ou 15,2% do share, que é a participação entre as TVs que estão ligadas, incluindo aí Netflix, TV Fechada, DVDs e videogames.  Cada ponto no PNT (Painel Nacional de Televisão) equivale a cerca de 240 mil domicílios sintonizados.

Publicidade

A Record, por exemplo, fechou a faixa nobre com metade da audiência do SBT. O canal teve 4,7 pontos. A Globo já ficou próxima à emissora de Silvio Santos, com o triplo da Record, fechando com 14,8 pontos. E teve gente que ainda criticou o pai de Patrícia Abravanel por não ter comprado os direitos dos jogos. Alguém agora acredita que ele estava errado? Silvio sabe o que tem e investe muito bem nisso. Sem gastar fortunas, ele faz uma programação querida e, por vezes, bem competitiva;