"A Terra Prometida", novela bíblica da Record, caminha para os momentos finais e está chegando o tão aguardado dia, quando as muralhas de Jericó irão cair por terra e os hebreus poderão invadir a cidade. Foi necessário contar com mais de 400 profissionais ao todo e dezenas de cavalos, para garantir o resultado que poderá ser conferido pelo público de casa, no dia 17 de outubro, próxima segunda-feira.

As cenas da tomada de Jericó deram muito trabalho à equipe de produção, sendo necessário parar todas as demais frentes de gravação, para focar todo esforço para o momento grandioso que promete garantir uma ótima audiência à trama.

Publicidade
Publicidade

A cidade cenográfica foi construída em Vargem Grande, Rio de Janeiro e o direto Alexandre Avancini comentou a respeito do esforço conjunto que resultou em um momento que promete entrar para a história da televisão brasileira, assim como aconteceu em "Os Dez Mandamentos", quando o povo hebreu atravessou o Mar Vermelho. Algumas imagens foram realizadas em Israel, outras na África e por fim, foram utilizados painéis de chroma key para garantir os efeitos especiais.

O exército de Israel dará 7 voltas, conforme foi ordenado por Deus e quando as trombetas tocarem, as muralhas começarão a rachar e cairão, permitindo que os bravos guerreiros hebreus entrem na cidade e a conquistem. Na invasão ao palácio, tanto o rei Marek (Igor Rickli) como a rainha Kalesi (Juliana Silveira) irão morrer.

As cenas começaram a ser gravadas em janeiro deste ano, tanto é que, no início de "A Terra Prometida", o público já pode conferir um pouco do momento em que as muralhas começam a rachar.

Publicidade

No próximo dia 17, o público verá toda aquela sequência das muralhas começando a serem partidas e em seguida vem a destruição total de Jericó. Muitos personagens que ao longo da trama se destacaram, irão morrer nesta invasão, apontando que a novela já está caminhando para o fim.

Alexandre Avancini chama a atenção para algumas particularidades da novela, por exemplo, em "#A Terra Prometida" o exército de Israel conta com cavalos, o que não aconteceu em outras tramas bíblicas, como em "Os Dez Mandamentos". São dezenas de animais, o que deixa as gravações sempre mais difíceis de serem feitas por causa da organização que é preciso ter.

Após conquistar Jericó, os hebreus irão enfrentar o rei Durgal, mas tem ainda a maior de todas as batalhas e em breve você vai conferir aqui todos os detalhes do momento desafiador para Josué. #Novelas