Em questão de minutos, a vida de #Kim Kardashian mudou completamente. Ela achava que estava segura, mas de uma hora pra outra se viu trancada num banheiro e temendo pela própria vida após homens mascarados invadirem o seu quarto de hotel em Paris. 

Depois de comparecer a um jantar em Paris, Kim voltou para o seu quarto numa aparente noite tranquila, no último domingo (02). Não se sabe exatamente se ela estava sozinha ou não. Mas as suas irmãs Koutney Kardashian e Kendall Jenner tinham saído nesta noite com sua assistente e segurança. Ou seja, aparentemente Kim estava totalmente sozinha na suíte de luxo.

No meio da noite, cinco homens mascarados, que estavam vestidos como policiais, ameaçaram a portaria do hotel com uma arma e obrigou o porteiro que os levassem até o quarto de Kim e destrancasse a porta.

Publicidade
Publicidade

Depois disso, o porteiro teria sido amarrado e amordaçado, então trancado na área de escada. Enquanto isso, dois homens ficaram apontando uma arma para a cabeça de Kim, enquanto amarravam suas mãos e colocavam uma fita adesiva em sua boca. Depois a socialite foi trancada no banheiro e o grupo invadiu o apartamento por completo.

Durante o ataque, os homens roubaram uma caixa de joias com o valor de US$ 6,4 milhões, um anel de US$ 4,3 milhões - muitos suspeitam que este último é o anel de diamante enorme que seu marido Kanye West há presenteou há alguns meses. Seu telefone também foi roubado. Enquanto os homens prendiam a mão da socialite, ela gritava para que eles não a matassem, contando que ela tem duas crianças em casa para cuidar.

Quando tudo acabou, ela conseguiu se libertar de alguma forma e pedir ajuda.

Publicidade

Enquanto tudo isso acontecia, Kanye estava fazendo show em Nova York. Assim que ficou sabendo, ele parou abruptamente a apresentação, dizendo que tinha uma "emergência familiar".

Uma fonte da revista People disse que a Kardashian ficou horrorizada e que estava histérica quando falou com o seu marido. Ela estava tão fora de si que ele demorou alguns segundos para entender o que estava acontecendo. O E! News confirmou que o reality show "Keeping Up with the Kardashians" não estava sendo gravado no momento que o assalto aconteceu.