Os papéis principais do novo seriado 'Krypton' já foram preenchidos, com uma escalação de seis atores que deverão gravitar em torno dos dois protagonistas, a filha do General Zod e o avô de Kal-El.

Dentre os selecionados, está o ator Ian McElhinney, mais conhecido pelo seu trabalho em 'Game of Thrones', onde interpretou Ser Barristan, o Ousado - anteriormente, pertencente à guarda real e, posteriormente, fiel protetor de Daenerys Targarye. O ator dará vida a Seg-El, nada menos que o tataravô do #Superman. Os demais escalados foram: Aaron Pierre (Tennison), Wallis Day (The Royals, Elliott Cowan (Da Vinci’s Demons), Rasmus Hardiker e Ann Ogbomo (Guerra Mundial Z).

Publicidade
Publicidade

Para quem ainda não sabe, 'Krypton' será uma série de televisão que se aprofundará nas origens de Superman. Em recente entrevista cedida ao Collider, o produtor executivo David S. Goyer (também roteirista do longa-metragem 'Homem de Aço'), adiantou que se trata de um prelúdio e se passará 2 séculos anos dos acontecimentos do filme.

O seriado do canal Syfy aproveitará ideias descartadas no filme de 2013. De acordo com o roteirista, ele escreveu quarenta páginas do prólogo do Homem de Aço, com o Superman ainda em sua terra natal, mas a versão final do roteiro comprimiu sua história para quinze minutos.

Goyer frisou ainda que os efeitos especiais para séries de televisão são muito mais limitados e nem de longe terão o mesmo nível do longa, mas prometeu que a cultura kryptoniana será muito bem explorada.

Publicidade

Aos moldes da série 'Gotham', que acompanha a juventude de Bruce Wayne antes do Batman, o enredo de Krypton terá o avô de Clark Kent trazendo a igualdade e a esperança para o planeta que encontra-se imerso em caos.

Em maio, foi transmitido pela NBC uma teaser de Krypton, que não foi lançado na internet, mas o site IGN descreveu o que acontece: no início, há o brasão da família El, que posteriormente será o símbolo do traje do super-heróis. Fragmentos de Krypton desolada vão surgindo conforme a imagem se expande. "O que conserva-se quando uma civilização padece? Sua cultura e artes são recordadas? Essa história não é de como nosso planeta morreu. É de como sobrevivemos", declara uma narração.

Ian Goldberg - roteirista de 'Once Upon a Time' - compartilha a produção executiva com David S. Goyer, e foi o responsável por escrever o episódio piloto. O canal Syfy já confirmou a pré-produção, no entanto, a ficção continua sem previsão de lançamento. #Seriados #Game of Thrones