Desde a última segunda-feira (06) que o assunto 'Bruna Marquezine' está entre os 'trends' nas redes sociais, em todos os jornais, e programas de televisão do país. 

A atriz teve cenas da minissérie '#Nada Será Como Antes' vazadas, cenas em que sua personagem encontra-se despida numa relação íntima, contracenando com o ator Daniel de Oliveira, as imagens se tornaram rapidamente ´virais'.

A gravidade no vazamento das cenas se tornaram ainda mais graves pelo fato de se tratar de um capítulo inédito, que não havia ido ao ar. A #Rede Globo não tem informações de quem as divulgou, mas é certo que uma investigação 'corre' dentro da emissora, em busca de quem cometeu este crime. 

Na tarde desta quinta-feira (06), a jornalista e blogueira Fabíola Reipert deu em nota que Bruna proibiu, antes do vazamento, que emissora colocasse as cenas na íntegra no ar, de forma que detalhes mais ousados não fossem transmitidos, permitindo apenas alguns 'flashs' rápidos, ocultando sua nudez.

Publicidade
Publicidade

 

E, para piorar, dizem que Sophie Charlotte, que é a esposa do ator Daniel de Oliveira, não teria gostado 'nadinha' das cenas, pois estas foram de uma veracidade na dramatização, e os atores pareciam estar muito a vontade nesta 'entrega'. 

Até o momento, a emissora 'Rede Globo de Televisão' não se pronunciou, mas este ocorrido se trata de uma ação criminosa, que se enquadra em 'Crime contra o Patrimônio' Art. 155 e Art. 156, passível de multa e reclusão de até 02 a 08 anos, pois quem cometeu este crime furtou um arquivo de propriedade privada. 

As emissoras em geral sofrem com vazamentos de dados de suas telenovelas e minisséries, o que é lamentável. Vazamento de uma cena é algo inadmissível, isso afronta a seriedade e compromisso da organização, de seus diretores e autores, desprezando um trabalho que, além do valor artístico, inclui o financeiro. 

Providências deverão ser tomadas pela empresa, bem como pela atriz.

Publicidade

Um caso de repercussão e falta de respeito que deverá ter consequências sérias para todos os envolvidos.  #Bruna Marquezine