Shirlene #Quigley, 32 anos, ex-dançarina da cantora #Rihanna, e que já trabalhou com outros nomes famosos, como: Beyoncé, Missy Elliott e Jamie Foxx, está desaparecida. Segundo informações divulgadas pela polícia novaiorquina a revista People, Quigley pegou um ônibus para um destino desconhecido em Port Authority, no domingo, 23, em torno de 1h da manhã.

Na segunda-feira, 24, à noite, Missy Elliott e Rihanna postaram no Instagram, pedindo a ajuda do público na busca por Quigley. No vídeo postado, Rihanna fez um apelo aos fãs pedindo que ajudassem a encontrar a dançarina que desapareceu misteriosamente. Shirlene Quigley foi vista pela última vez no domingo, pegando um ônibus em Manhattan.

Publicidade
Publicidade

“Esta bela alma e minha ex-dançarina está desaparecida!!! Meu coração dói de pensar em quão difícil é! Se alguém tem visto ou tiver qualquer informação sobre o paradeiro de Shirlene Quigley... por favor contate o departamento de polícia”, escreveu Rihanna.

Shirlene Quigley, de North Bergen, Nova Jersey, trabalhou com a cantora caribenha em várias de suas performances ao vivo, e dançou de backup em seu clipe da música 'S.O.S.'. O pai da dançarina, Brad Quigley, disse que ela telefonava para ele todos os dias por volta das 18h, mas quando ela deixou de ligar diariamente, ele começou a ficar preocupado. O celular de Quingley foi encontrado mais tarde em uma loja de noivas em Chelsea, segundo a polícia.

Brad disse ainda que ela poderia ter estado na loja para receber pagamento por algum trabalho prestado, mas isso ainda não foi bem esclarecido.

Publicidade

Quigley, que é profundamente religiosa, estava se guardando para o casamento, porém, os pais afirmam que não sabiam que ela estava em um relacionamento ou considerando se casar. "O que é realmente estranho é que, se ela se casasse, ela iria querer a mim e a sua mãe presentes neste momento. Eu não sei o que está acontecendo.", disse Brad ao New York Post.

Amigos afirmaram que ela estava agindo estranhamente e teria enviado a uma amiga uma mensagem codificada, antes de seu desaparecimento, que dizia: "Prepare-se, algo está prestes a acontecer e eu vou precisar que você me substitua".

Um carro semelhante ao de Quigley, Mercedes C230 prata 2006, já foi localizado, mas não está confirmado se ele pertence à dançarina. Um vizinho disse que a viu sair de casa em New Jersey, onde ela vive sozinha, na tarde de sábado. Mais tarde, ele chamou uma amiga dela dizendo que a dançarina não parecia bem.