A apresentadora #Fernanda Gentil causou um verdadeiro alvoroço na última semana, quando assumiu um relacionamento com outra mulher. Casada até o mês de abril com o empresário Matheus, a jornalista se separou e logo em seguida iniciou um namoro com outra jornalista. A relação escancarada na internet fez com que a maioria dos fãs apoiassem Fernanda. Além disso, a TV Globo mostrou-se madura, não proibindo ou posicionando em relação a um fato da vida privada de um dos seus funcionários. Gentil sai do furacão sobre sua sexualidade mais forte, mesmo assim, os desabafos em torno do assunto devem continuar ganhando a mídia. 

Ao responder uma das suas seguidoras neste sábado, 08, a comandante do 'Esporte Espetacular' surpreendeu, ganhando rápido apoio de milhares de internautas: "As referências do meu filho não vêm de gêneros e sim de caracteres", explicou a profissional da mídia.

Publicidade
Publicidade

A mensagem teve quase 800 mil compartilhamentos até a publicação desta reportagem, além de mais de 1 milhão de curtidas, mostrando como Gentil é extremamente admirada pelo seu trabalho.

Flávio Canto, que divide o 'Esporte Espetacular' com Fernanda, contou que já sabia do namoro homossexual da colega e que ela se mostra muito amiga e profissional na Globo. Apesar disso, como mostra uma reportagem do jornalista Léo Dias, do jornal 'O Dia', a famosa estaria tirando várias pessoas de suas redes sociais. Os comentários é que algumas delas teriam vazado o seu namoro e que ela decidiu não negar nada ao 'Jornal O Globo', quando a publicação entrou em contato com ela. 

O jeito foi assumir Priscila Montandon, com quem namora há três meses. A profissional tem 34 anos e mora no Rio Grande do Sul. As duas já até viajaram juntas para a Grécia.

Publicidade

Fernanda tem um filho com Matheus, com quem foi casada. O menino Gabriel tem um ano de idade. Ela também cuida de um sobrinho, desde que os pais dele faleceram em um acidente. A jornalista foi promovida ao 'Esporte Espetacular' depois de uma performance elogiada nos jogos olímpicos do Rio de Janeiro.  #LGBT