#Homem de Ferro 3”, estrelado por Robert Downey Jr., é o filme que a Rede Globo exibe para todo o Brasil, nesta segunda-feira (31), logo depois da novela “A Lei do Amor”, na #Tela Quente.

Os telespectadores que pretendem assistir ao filme devem confirmar no site da #Globo, e de suas afiliadas espalhadas pelo Brasil, o horário exato em que o longa-metragem norte-americano vai ao ar.

Os horários podem variar dependendo da localidade devido ao horário de verão, que não acontece em todos os estados brasileiros. O Acre, por exemplo, tem três horas de diferença em relação ao Distrito Federal.

O filme

“Homem de Ferro 3”, dirigido por Shane Black e estrelado por Robert Downey Jr., foi lançado em 2013.

Publicidade
Publicidade

Além de Downey Jr., também participam do longa-metragem os atores Jon Favreau, Don Cheadle, Rebecca Hall, Gwyneth Paltrow e Guy Pearce.

No enredo do filme, Tony Stark passou a ter dificuldades para pegar no sono depois de o ataque que os chitauri fizeram à Nova York. Quando o personagem principal dorme, ele tem pesadelos.

Um de seus maiores medos é não conseguir proteger Pepper Potts, sua namorada, de seus inimigos. E ele passou a ter vários depois que começou a usar a armadura de homem de ferro.

Mandarim, um de seus inimigos, ataca-o com força total e destrói a mansão do homem de ferro, colocando a vida da namorada de Tony Stark em perigo. Para vencer o inimigo, o herói terá que superar o medo de fracassar que tanto o apavora.

Público

O filme da Marvel foi sucesso instantâneo. Um mês depois de ter sido lançado nos cinemas, em abril de 2013, o longa chegou ao top 5 das bilheterias mundiais em todos os tempos, ficando atrás de “Avatar”, “Titanic”, “Os Vingadores” e “Harry Potter e as Relíquias da Morte – Parte 2”, segundo o site Omelete.

Publicidade

Na sequência daquele ano, “Frozen” tomou a quinta posição.

Atualmente, de acordo o Box Office, site especializado em cinema, “Homem de Ferro 3” aparece na décima posição entre os filmes de maior bilheteria em todos os tempos.

Na TV: Globo e afiliadas, em todo o Brasil, logo depois de “A Lei do Amor”.