Fernanda tem recebido vários ataques homofóbicos logo depois que ela anunciou para fãs e amigos que estava em um namoro com outra mulher, Priscila Montandon, de 34 anos. A apresentadora do Esporte Espetacular já foi chamada de “cola velcro”, “falsa”, “uma vergonha” e outros adjetivos que deixam claro que o Brasil ainda precisa avançar muito com relação à diminuição da discriminação, nesse caso, com relação à união homossexual. A própria Fernanda havia postado um grande texto explicando que tem sido ‘agredida’ por algumas pessoas que não aceitam o seu relacionamento íntimo com outra mulher.

"Você só postava que amava o marido, que tinha a família perfeita, que estava feliz e realizada.

Publicidade
Publicidade

Agora vem com essa, me poupe.”, detonou uma seguidora de Gentil. Ela conta, em resposta à uma postagem de Fernanda, que a apresentadora da Globo costumava postar coisas relacionadas à família e sobre como é importante nutrir a felicidade com o marido e filhos. Para essa seguidora, isso tudo era só mentira. “Agora, eu vi que era só mentira. Até as suas entrevistas falando na felicidade com o marido eram falsas", detonou a seguidora. "Deus não aprova isso", completou.

Da mesma forma, outros seguidores têm ido até as redes sociais da apresentadora para detonar e criticar a loira: “quando Jesus voltar, a homossexualidade não vai mais existir.”, disse um outro seguidor, claramente religioso. De acordo com ele, Deus só aceitaria, no céu, pessoas que não são homossexuais. O internauta ainda continuou comentando que não há amor entre duas pessoas do mesmo sexo.

Publicidade

Já um outro seguidor afirmou que Fernanda teria assumido o relacionamento íntimo com outra mulher somente para ‘aparecer’ na mídia.

“Ela está fazendo isso para aparecer”, comentou. De acordo com esse internauta, Gentil ‘não é gay coisa nenhuma’, mas sim, ela é “uma vergonha”, detonou.

Procurada, a assessoria da apresentadora do Esporte Espetacular não comentou os ataques que Fernanda vem sofrendo nas redes sociais, depois que assumiu ser homossexual. O portal Purepeople contou que a jornalista ainda não está pronta para ir a público ou à Justiça tratar desses ataques. Já a sua namorada, Priscila, recentemente publicou postagem em rede social afirmando que está muito bem.  #Mural de Notícias