#Richard Sandrak ficou conhecido mundialmente como o "#menino mais forte do mundo". O garoto nasceu na Ucrânia a 15 de Abril de 1992 e se mudou com seus pais para a Pensilvânia, nos Estados Unidos da América, em 1994, tendo obtido naturalidade americana. Sua origem ucraniana, país onde as atividades físicas e esportivas são muito valorizadas, fez com que o pequeno Richard começasse  a praticar fisioculturismo aos 2 anos de idade, por causa dos pais, fanáticos por fitness. Com esta idade, os exercícios eram apenas de alongamento mas mais tarde começaram os treinos para ganhar massa muscular. Aos 8 anos, ele estava com um físico comparado ao de um adulto com muitos anos de prática desta modalidade física.

Publicidade
Publicidade

A polêmica

O corpo extremamente bombado do menino logo virou notícia internacional. Seus pais aproveitaram-se da fama para levar Richard em eventos e promoções, explorando a parte comercial, onde fez várias aparições em produtos para fisioculturistas.

Pela desproporção do seu físico, comparado ao normal de um menino da sua idade, médicos e público em geral acusaram seu pai de preparar uma dieta anabólica para bombar ainda mais o corpo da criança. Foram realizados diversos testes e exames que comprovaram a inocência do pai, pois nenhuma substância ilícita foi detectada no organismo de Richard. Seu preparo físico era apenas fruto de muitas horas diárias de treino intenso e dieta especial.

Fim dos treinos

Em 2003, o pai de Richard foi preso após uma acusação de violência doméstica e o menino começou a relaxar nos treinos.

Publicidade

As horas e horas diárias de exercícios, dieta rigorosa e até mesmo aulas de dicção para aprender a disfarçar o sotaque ucraniano, deram lugar a uma vida de menino normal, sem treinos exagerados.

Aos poucos, ele começou a perder massa muscular e o aspecto físico que tinha adquirido nos anos anteriores deu lugar a um corpo normal.

Richard Sandrak atualmente

Hoje em dia, Richard trabalha como ator. Ele continua a estudar, gosta de se exercitar para manter o físico saudável, mas já não é nada parecido com o "menino mais forte do mundo" de alguns anos atrás.

Veja como ele ficou mudado, agora já com 24 anos:

Gostou? Compartilhe! #fisioculturismo