A cantora #Ludmilla gosta realmente de um som alto. É o que garantem os vizinhos dela. Aliás, ex-vizinhos da Ilha do Governador, na Zona Norte do Rio de Janeiro. Isso porque, após protagonizar muitas confusões, a artista decidiu sair do local onde morava e voltar para o antigo lar, na cidade de Duque de Caxias, na Baixada Fluminense. As informações foram dadas com destaque nesta sexta-feira, 07, pelo site do jornal carioca Extra. A família da cantora, segundo a publicação, também deixara o bairro que teria muitas mansões e vizinhos cheios da grana. O motivo seriam as confusões que a funkeira encabeçaria. 

A questão é que o bairro é tranquilo e Ludmilla uma garota, digamos, agitada.

Publicidade
Publicidade

Ela gosta de estar com a família e amigos. Achou que conseguiria ter paz para encontros casuais, mas o que se viu foi justamente o oposto, os moradores da região reclamando que o local ficou barulhento demais. Onde morava antes de ir para a Ilha do Governador, na cidade de Duque de Caxias, o clima era completamente outro. Os vizinhos eram mais do "povão" e não se incomodavam em ter uma festinha ao lado. Silvana, mãe da cantora, as irmãs e outros parentes que foram morar na mansão da Ilha, agora esperam apenas o final da reforma da casa antiga. 

A família se mudou para a nova residência há dois anos, mas a vizinhança não a aceitou muito bem. O empreendimento foi comprado do cantor Buchecha, chamado de vizinho tranquilo. A casa custou uma verdadeira fortuna, cerca de R$ 1 milhão. Não se sabe ainda se Ludmilla vai vender o imóvel.

Publicidade

A acusação dos vizinhos é que a funkeira faz festas com som extremamente alto até altas horas. Em algumas das oportunidades, a polícia foi chamada para tentar controlar a situação. 

Até mesmo uma das festas da funkeira foi gravado de longe por uma vizinha. Em um vídeo, ela mostrou como era o local com a famosa. Nas imagens foi possível ouvir funk proibidão. Enquanto a reforma em Caxias não está pronta, Ludmilla mora em um flat na praia da Barra, na Zona Oeste. As obras na comunidade onde a artista nasceu continuam.  #Famosos