#Zilu #camargo agora tem uma nova profissão: A socialite é representante de uma #empresa de venda direta de cosméticos anti-idade. Em suas redes sociais, a ex-mulher e Zezé Di Camargo escreveu sobre a importância do trabalho em sua vida e que trabalha com muito amor.

O post de Zilu

Ela postou sua opinião, dizendo que o trabalho dignifica o homem. Zilu ainda aconselhou que todo trabalho precisa ser feito com respeito, hombridade, seriedade, compromisso e, sobretudo, com muito amor, independente de qual seja a profissão, com ou sem formação acadêmica. Ela escreveu: "Não seja leviano com a única coisa que lhe pertence verdadeiramente, sua vida!"

A socialite defendeu as mulheres que trabalham em casa, mostrando que todas devem sentir-se orgulhosas de sua atuação.

Publicidade
Publicidade

Ela explicou o que pensa: "Diz um dito que fala: "cabeça vazia, oficina do Diabo!", e tenho que concordar! Nada é mais infértil do que uma vida vazia... Sem ocupação!".

Então ela fala que, independente se a mulher for dona de casa, ela não deve ser julgada nunca, porque ela está trabalhando. Ela ainda fala que as domésticas trabalham para outras pessoas que se dizem ocupadas e que não querem trabalhar com os afazeres domésticos, então todos devem respeitar as "empregadas".

Zilu deixa um recado cada um deve fazer o que quiser e que ninguém deve ter vergonha da sua profissão: "Seja doméstica, seja médica(o), dentista, empresária(o), pedreiro, porteiro, babá, advogada(o), manobrista de carros, revendedor de cosméticos, manicure, enfermeira(o), seja o quiser..... Mas seja humano!"

A socialite diz que independente do que a pessoa escolha fazer, ela deve ser honesta, fazer bem feito e respeitar os próprios limites, nunca sendo leviana.

Publicidade

Os maiores erros não são pelas escolhas das profissões, mas por aquilo que as pessoas são para o mundo.

Zilu recebe R$100 mil por mês do seu ex-marido Zezé Di Camargo, mas mesmo assim ela não se acomodou e continua trabalhando. Ela fala que isso dá perspectiva para ela e aconselha os seguidores para que estes sejam trabalhadores, já que - de acordo com o que ela acredita - daqui ninguém leva os bens materiais, mas sim os bens que foram feitos. Zilu diz aos leitores que não importa o que eles tiveram, mas o que eles foram.

A socialite fala que nada paga uma ocupação, compra um nome e muito menos constrói uma alma. E sobre alma, ela diz que esta deve ser sempre mantida limpa. Ela ainda completa deixa uma passagem da Bíblia:  "O que as suas mãos tiverem que fazer, que o façam com toda a sua força, pois na sepultura, para onde você vai, não há atividade nem planejamento, não há conhecimento nem sabedoria." (Eclesiastes 9:10).

Zilu complementou seu post com as hashtags: #Reflitam #SejaHUMANO #BoaNoite #DeusAbençoe.

A nova empresária do mercado pode ganhar até R$ 78 mil por semana com o novo negócio.