Há muito tempo, o #SBT não estava tão contente com o desempenho em audiência das novelas mexicanas exibidas à tarde. Atualmente, as novelas vêm conseguindo audiência razoável na Grande São Paulo, com médias que ultrapassam os 8 pontos nos melhores dias, mas esse número já chegou a ser maior quando o canal exibia Abismo de Paixão, que facilmente batia os 10 pontos, um verdadeiro sucesso nas novelas da tarde. Recentemente, A Usurpadora retornou a programação e o SBT passou a exibir 4 novelas mexicanas em sequência, o que não acontecia há algum tempo.

Acontece que, para alguns, esse número elevado de tramas sendo exibidas à tarde, pode prejudicar o desempenho em audiência e, de certa forma, desgastar um pouco a imagem das telenovelas, fazendo, assim, o público se cansar e, consequentemente, a audiência desabar.

Publicidade
Publicidade

Pensando nisso, a emissora pode adotar uma velha estratégia e trazer de volta ao ar seu maior coringa: o seriado Chaves. Atualmente, a turma da vila é exibida de segunda a sexta às 11h30 e às 13h15 em algumas afiliadas, como uma espécie de tapa buraco para a programação que vem da rede. No Espírito Santo, por exemplo, a TV Tribuna exibe o seriado entre duas faixas de programação local. No entanto, aos sábados Chaves é exibido para o Brasil inteiro às 06h e 18h30. O mesmo acontece no domingo, às 09h.

Sempre com um ótimo desempenho de audiência quando ia ao ar durante a semana às 18h30, o SBT deve começar a olhar com mais seriedade essa possibilidade, com o intuito de equilibrar a programação. Atualmente, as novelas mexicanas ocupam uma faixa horária considerável da programação do canal de Sílvio Santos (16h15 às 19h20).

Publicidade

Mesmo assim, a possibilidade do horário das 18h30 às 19h20 continuar sendo dedicado às novelas também existe, devido à grande pressão que os fãs de novelas mexicanas fazem em cima da emissora, sempre exigindo a exibição de tramas inéditas ou, até mesmo, reprises de tramas que foram verdadeiros sucessos em sua primeira exibição, como é o caso de Sortilégio e Teresa, por exemplo. #Novela Mexicana