Finalmente, uma boa notícia veio à tona nas últimas horas, algo que fala de esperança, superação e a luta com sucesso contra um câncer agressivo. O impacto da notícia é ainda maior quando o problema de saúde diz respeito, por exemplo, a uma personalidade artística, que é o caso do ator Edson Celulari, o qual anunciou, na noite do último dia 25 de novembro, que havia se curado com sucesso do câncer ou linfoma não-hogdkin, que, infelizmente, foi descoberto no mês de junho de 2016. A médica de Celulari, que não foi por acaso, mas é a mesma que cuidou do também ato Reynaldo Gianecchini, falou que o seu paciente venceu o câncer e Edson não ficou quieto, demonstrando toda a sua alegria contagiante ao conceder entrevista para o colunista do jornal "O Globo", Ancelmo Gois.

Publicidade
Publicidade

Literalmente, Celulari disse viver uma euforia de uma página virada de um mal momento pelo qual passou. O ator da Rede Globo de Televisão revelou que ao findar as sessões de quimioterapia, foi comunicado de que por segurança, teria ainda que executar outras 12 sessões de radioterapia, onde a totalidade do processo foi encerrada no dia 24 de novembro. “Agora, sinto uma sensação de alívio, uma vontade de comemorar, de agradecer a todos, de fazer uma festa. Mas todas as pessoas não caberiam no Maracanã", falou Edson, que ainda atravessou por momentos diferentes durante o período em que estava sob cuidados médicos.

O período de escuridão ou a fase em que o paciente não sabe exatamente o que tem, só que é algo grave, foi o pior momento para Celulari, que por sua vez pode se encher de mais esperança quando recebeu o diagnóstico, mesmo sendo grave, da exata #Doença que estava sofrendo, pois só assim, segundo ele próprio, a modernidade da #Medicina pode funcionar como possibilidade de cura.

Publicidade

Para o ator ter conhecido outras pessoas afligidas pela patologia em questão, também funcionou como uma espécie de motivação e suporte espiritual.

O que é mais importante dessa trama pessoal vivida por Edson, é que o rapaz fez questão de dizer que voltou a dar importância ao que para ele não era mais o foco na sua vida. Conseguiu assim, estimular a sua generosidade, humildade, se fixando no que realmente agrega e tem valor para o ser humano. O artista agradeceu a todos que de algum modo, contribuíram para que ele se curasse, pessoas que enviaram para ele, recados, bilhetes e telefonemas repletos de amor.

Independente do vínculo religioso de cada um, a fé foi um componente importante para a superação do câncer em Celulari; tanto é assim, que o ator havia recebido uma imagem de Nossa Senhora das Graças e ele disse que ao olhar para ela em alguns momentos, acabava tendo a sua fé fortificada de que teria sucesso na sua batalha pela vida. E por falar em vida, que Edson Celulari ainda viva por muito e muito tempo e continue contagiando a todos com o talento de sua arte. #Rede Globo