Quem diria que duas figuras icônicas da televisão e da política iriam "brigar" e deixar muita gente espantada? Uma situação envolvendo a apresentadora da TV Globo, #Fátima Bernardes, e o parlamentar federal Jair #bolsonaro (PSC-Rio) está deixando a internet em polvorosa. De acordo com o site TV Foco, Bolsonaro mandou um recado malcriado para Fátima, após ela fazer uma enquete em seu programa, no qual ela questionou quem deveria ser salvo primeiro em caso de emergência: o policial ou o traficante. A resposta da apresentadora revoltou o deputado de Brasília.

Os convidados de Fátima concordaram que deveriam salvar, em unanimidade, o bandido ferido, pois ele estaria em estado pior e o caso seria mais grave do que o do policial, que sobreviveria caso aguardasse mais um pouco.

Publicidade
Publicidade

Não demorou muito tempo para que Fátima sofresse graves acusações por parte de militares na internet e seus seguidores. Muitos disseram que ela defende bandidos e, até mesmo, desejaram que Fátima sofresse um assalto para salvarem o bandido.

"Que baixaria. Essa mulher tá incitando algo muito perigoso... Já não basta a realidade que vivemos vai dizer que prefere o bandido? cai fora, fatima!!", escreveu um seguidor da jornalista.

"Era só o que faltava!! Defensora de traficante dando lição de moral todo dia para os brasileiros. é isso que a globo quer? nao assisto mais a essa m*rda...", postou outra pessoa indignada com o quadro do programa de Fátima Bernardes.

Logo após a "explosão" de críticas à Fátima, quem decidiu opinar foi o deputado Bolsonaro, que tem milhões de seguidores em suas redes sociais.

Publicidade

Alguns pedem que ele se candidate à presidência da República.

O político acusou Fátima de de ser uma "marginal" e disse que a enquete que ela fez ajudam a desmerecer a atividade do policial no seu dia a dia. A fala foi feito em um vídeo postado por ele em seu Facebook.

Bolsonaro alegou que a apresentadora deu mais atenção ao traficante do que ao oficial da lei.

"Um herói a serviço nosso na rua", opinou.

O parlamentar de direita alegou ainda que Fátima é pró-Direitos Humanos, que, na sua visão, tem tido uma visão equivocada de como tratar a questão da violência.

"Encontra guarita junto a esses marginais defensores de direitos humanos", atacou. #Famosos