Todos que viveram nos anos 90 se lembram muito que foi uma das épocas mais inesquecíveis de nossa vida. Nesse tempo várias coisas aconteceram, como o avanço da tecnologia que até então era bem decadente.

Uma das coisas que fica gravada na mente de todos são alguns programas de TV da época, que se tornaram únicos e fizeram parte da infância de muitos que hoje estão perto de seus 30 anos. “Eu, a Patroa e as Crianças”, uma série que passava no SBT, conhecida por seu sarcasmo e comédia únicos, agradava desde os mais jovens aos mais velhos.

Você já se perguntou como estão hoje em dia os atores e atrizes que interpretaram os personagens na série? Confira por onde andam e o que fazem.

Publicidade
Publicidade

Tisha Campbell: mesmo com o fim do seriado ela continuou atuando, um de seus papéis de mais destaque foi a personagem Peache de “Todo Mundo Odeia o Chris”.

Damon Wayans: o ator também não parou de atuar, seguindo o ramo da comédia passou também a investir no desenvolvimento de aplicativos.

George O. Gore: ele continuou a atuar mesmo após o final da série, um dos papéis de grande destaque foi a sua participação na segunda temporada do programa familiar “Família Wayans”. Posteriormente também participou da dublagem de algumas animações.

Jazz Raycole: uma curiosidade bem bacana é que a atriz abandonou as gravações da série já na primeira temporada, o motivo foi que sua mãe que não ficou feliz ao ver o tipo de piadas usadas no seriado.

Publicidade

Jennifer Nicole Freeman: a atriz continua no ramo artístico tendo papéis de grande destaque no seriado The Oc e The Real Husbands of Hollywood.

Parker Mckenna: a pequena mudou muito e conseguiu seu papel de destaque em longa metragens, seguindo a carreira de atriz.

Noah Gray: o ator chamava a atenção por sua grande atuação com tão pouca idade, ele mudou muito se dedicando a academia e aos estudos.

Andrew McFarlane: com papeis #Famosos o ator nunca deixou de atuar, participando de vários longas e séries.

Apesar do tempo ter passado todos continuaram seus caminhos, alguns atuando outros não, o que importa mesmo é que fizeram parte de nossa infância tornando-a mais feliz. #Televisão #Seriados