A revelação que a filha de Xoxoró contou no programa do Marcelo Adnet, de que havia mentido sobre um fato de sua vida, gerou uma série de protestos nas redes sociais. Ela, que fez dupla com seu irmão Júnior por mais de 10 anos, era referência e exemplo para as crianças e adolescentes da época, e revelando uma ‘mentirinha’, acabou ficando sem credibilidade com o que fala, e ‘desconstruindo’ a imagem criada pela mídia em cima de seu comportamento.

Segundo Sandy no ‘Adnight’, aos 16 anos, em 1999, ela deu uma entrevista para a revista ‘Capricho’, da qual foi capa, com uma matéria de destaque que dizia: “Eu nunca beijei”. Mas ela disse que foi tudo mentira, que inventou aquilo na hora, que inclusive já tinha um 'namoradinho', mas optou por mentir a fim de não ter sua vida pessoal exposta.

Publicidade
Publicidade

Agora ela está tendo um ‘trabalhão’ para excluir de seus perfis nas redes sociais os comentários maldosos e críticas de fãs, alguns dizem que ela deveria ter omitido, outros disseram que se sentiram traídos.

Sandy está retomando sua carreira após dar à luz ao filho Theo Scholles Lima, que nasceu em 2014, fruto do seu casamento com o músico Lucas Lima - aliás essa foi outra grande polêmica na vida da moça, pois ela optou por ‘esconder’ a qualquer custo o rosto do menino, que só ficou conhecido após um programa Global revelar no modo “surpresa” uma homenagem da família a cantora, momento em que o garotinho finalmente apareceu. Na ocasião do nascimento de Theo, as críticas foram duras, afinal Sandy tem uma legião de fãs, e todos aguardaram ansiosamente o nascimento do bebê.

Outra polêmica bem 'cabeluda' envolvendo a cantora foi em 2011, quando ela já estava separada de seu irmão e em carreira solo, quando deu entrevista para a revista Playboy e disse a seguinte frase: "É possível ter prazer anal", e isso chocou toda a mídia na época, afinal a imagem de 'santa' que a moça fazia questão de mostrar a todos vinha 'ladeira abaixo', na ocasião ela também era a garota propaganda da cerveja "Devassa".

Publicidade

Em 2012, ela também comentou que era a favor do casamento gay, e foi apenas mais uma demonstração que Sandy havia crescido, e já não era a menininha que, com roupas coloridas cantava 'Vamos pular, vamos pular, vamos pular'.

Mas não é só de críticas ruins que Sandy vem alimentando a mídia, recentemente no episódio desastroso em que a Paula Fernandes cantou com o tenor Andrea Bocelli, o nome dela foi muito comentado, e internautas se perguntaram por que não foi ela a escolha do tenor, afinal eles já estiveram juntos muitas vezes em um passado não muito distante, confira o vídeo:

#Adnight #Sandy leah #Sandy e Júnior