Nesta quinta-feira, 10, a atriz #Susana Vieira deu o que falar mais uma vez durante a sua participação no '#Vídeo Show', vespertino da #Rede Globo de Televisão. Ao lado de Otaviano Costa, ela decidiu comentar também sobre futebol. O programa estava em um link ao vivo, direto de Minas Gerais, onde a Seleção Brasileira de futebol masculino concentrava-se para o jogo com a Argentina. Por lá, estava o experiente repórter Mauro Naves. Acostumado a cobrir os mais variados eventos, especialmente o futebol, ele trazia as primeiras informações sobre o clássico que teria Messi e Neymar.

Mesmo falando a respeito da partida - fazendo o seu trabalho - Mauro Naves acabou levando um grande puxão de orelha de Susana Vieira ao vivo.

Publicidade
Publicidade

Enquanto ele atualizava sobre o que iria acontecer mais tarde, Otaviano agradecia o trabalho do profissional, já querendo encerrar a participação, já que a atração tem um tempo pré-determinado para continuar no ar. Vieira, como sempre, quis falar demais e pediu para fazer um novo comentário diretamente do Projac, no Rio de Janeiro. Ela puxou a orelha do jornalista que estava na rua suando e dando duro.

Ela pediu a ele para ouvir e que parasse de falar imediatamente. "Espera aí que eu estou falando com você, garoto!", disse Susana Vieira. Mesmo dando a bronca, Susana Parece que levou o próprio esporro na brincadeira. Mauro Naves fez o mesmo. Talvez ele já conheça a profissional da dramaturgia - da emissora carioca - de outros carnavais. Aproveitando a permanência de Mauro Naves durante o vespertino, a consagrada atriz também palpitou sobre o jogo.

Publicidade

Falando muito

Ela discordou da opinião do comentarista esportivo, falando que o melhor não era que Messi fosse mal, mas sim que todos fossem bem. Isso porque, segundo ela. o que o público gosta de ver é o bom futebol. Ela ainda fez questão de dizer que a seleção brasileira não era formada apenas por Neymar, mas por diversos outros atletas. Para ela, sem cada um deles o time não seria o sucesso que está tendo nas mãos de Tite.