O último capítulo de 'The Walking Dead' que foi ao ar na Fox pegou os telespectadores de surpresa ao abordar uma temática que, há muitas temporadas, gerava dúvidas e controvérsias: quem é o pai de Judith? O aparente desinteresse do personagem Rick (#Andrew Lincoln) com relação às monstruosidades de Negan (Jeffrey Dean Morgan), foi justificada, pelo personagem, ao afirmar que já teve que passar por diversas incertezas para seguir adiante.

Em recente entrevista à Entertainment Weekly, o ator Andrew Lincoln esclareceu que foi a primeira vez que Rick conseguiu brandar sobre algo que ele já carregava consigo há muito tempo.

"Trata-se de uma fase bastante importante para o entendimento psicológico do Rick, significa que ele está conseguindo aceitar. 'É exatamente o que estive fazendo nos últimos dois anos. Não apenas aceitei a situação, como também vou aceitá-la caso isso seja necessário para salvar vidas e as pessoas com quem me importo. Aceito'. É praticamente uma forma perfeita e silenciosa de heroísmo. Entende? Na verdade, ele é um padrasto, mas isso nunca vai impedi-lo de amar e cuidar de sua filha, mas ele finalmente digeriu que não é filha dele".

Publicidade
Publicidade

Andrew comentou ainda a respeito da recepção daquele momento pelos fãs, reconhecendo que é uma revelação grandiosa e que ficou feliz pela aceitação:

"É uma maneira sábia de compreender por que ele continua agindo deste modo, porque ele têm se posicionado dessa maneira com relação à filha desde que soube. Há uma cena com sua ex-mulher, em que eles meio que fazem as pazes com os ocorridos, e eu enxergo isso como um instante chave. Ele não grita, mas fica no ar."

Ao fim da entrevista com a EW, o intérprete de Rick elogiou a maneira como a revelação foi entregue aos telespectadores, em meio a um capítulo cheio de tensão, com enfoque em Negan, a informação foi praticamente um deslize:

"É uma narrativa excelente e uma pequena informação [...] O curioso é que eu sabia que de algum modo isso afetaria as pessoas, tanto o público, quanto a equipe porque [o câmera Michael E. Satrazemis] e o restante do pessoal da produção chegaram e me abraçaram após a gravação. Acredito que todos estavam apresentando suas condolências ao Rick, funcionou como um enorme ato heroico que ele fez em prol da comunidade, de seus filhos e esposas. Ele não disse nada a ninguém, entende? Continuamos pedindo bastante para que os fãs vejam àquilo, a família sendo totalmente destruída, mas vejam... chegaremos a um lugar muito emocionante", concluiu.

Publicidade

#Seriados #The Walking Dead