Mara já poderia usar como sobrenome a palavra "barraco" e não Maravilha. A comunicadora é uma das mais polêmicas da televisão. Nesta quinta-feira, 8, ela novamente virou assunto nas redes sociais. Isso porque ela acabou virando notícia do próprio programa que apresenta no SBT, o 'Fofocando'. Tudo ia muito bem, até que Leão Lobo anunciou que a atração falaria sobre a socialite Val Marchiori. A ex-participante de 'A Fazenda', da TV Record, não se daria com a mulher que se diz rica e fina, mas que também não sai das colunas sociais das desavenças com outros artistas, como Ludmilla e Mr. Catra.

Leão Lobo, um dos colegas de atração de Mara, disse que o programa iria focar em Marchiori e nas suas peripécia, a tornando um dos assuntos da tarde.

Publicidade
Publicidade

Maravilha então questionou se aquilo era uma brincadeira de mau gosto, ou se realmente aconteceria. Mamma e o 'Homem do Saco' disseram que eram profissionais e que falariam de todo mundo, bastava ser notícia. A mulher, que fez sucesso com programas infantis na década de 1980, levantou-se e abandonou, ao vivo, a atração. Um fato que já fez muitos comunicadores serem até demitidos.

Mara criticou o nível de celebridades e fofocas do vespertino do SBT, lembrando que antes a pauta era Rayanne Morais, que recentemente foi parar na delegacia, fazendo uma denúncia contra o ex-noivo, o vencedor da última temporada de 'A Fazenda', Douglas Sampaio. "Ah não. Primeiro vem falar de Rayanne [Morais] e agora de Val Marchiori. Dá licença, assim já é demais, né gente?”, reclamou a comandante do 'Fofocando', que deu desculpa no ar falando que iria ao banheiro.

Publicidade

Não é a primeira vez que Maravilha vira assunto principal da mídia. Recentemente, ao receber Lívia Andrade, o clima pegou fogo na atração. As duas começaram a discutir feio e já na semana seguinte, Silvio Santos decidiu mudar o horário da atração. O produto já mudou diversas vezes de horário e a audiência não vem agradando. Uma das principais mudanças é que o produto não é mais exibido na rede de programação. #Crime