Não durou nem vinte e quatro horas no ar o videoclipe da música 'Eu Escolhi Você', no Youtube. A canção, composta e cantada por Clarice Falcão, conhecida pelos vídeos do 'Porta dos Fundos', fala sobre a escolha de um amor. Para compôr o vídeo de divulgação da canção, a atriz escolheu atores e atrizes - completamente nus - para apareceram nas imagens. Durante quase três minutos, eles exibem seus órgãos genitais. Já de cara, houve uma campanha para que o material fosse denunciado. Em páginas contrárias a esse tipo de conteúdo e que prezam a "moral e os bons costumes", a campanha era mais clara. Alguns usuários do Facebook até ensinavam, por exemplo, a como fazer uma denúncia do material.

Publicidade
Publicidade

Durante o enredo do vídeo, as pessoas retratadas, a maioria bom muitos pelos, exibem seus órgãos genitais para a câmera. Uma dancinha estranha também faz parte da coreografia, que parece se passar em uma grande festa de Carnaval, quando as pessoas estariam mais dispostas a realizarem atividades sexuais. 'Eu Escolhi Você', de Clarice Falcão, faz parte de seu disco 'Problema Meu'. Já no lançamento do material, ao divulgar o vídeo, a equipe da cantora, através de suas redes sociais, alertava que o material era voltado a pessoas com mais de dezoito anos. Além disso, Falcão garantiu que não teve uma grande inspiração para a obra e que tudo era apenas uma celebração do corpo humano, uma quebra de tabus.

Pelo visto, alguns tabus, como a do nudez, não são tão fáceis assim de serem rompidos na sociedade.

Publicidade

Prova disso é o motivo que o vídeo foi excluído do Youtube. De acordo com informações do site da Revista Veja, em reportagem publicada nesta quarta-feira, 21, o que fez o material ser retirado do ar foi o excesso de nudez. O vídeo é contra as diretrizes do Youtube, que apenas permite que nudez seja usada para materiais científicos e extremamente necessários. Após a exclusão do vídeo, Clarice não fez nenhum comentário novo a respeito de seu trabalho. Ela tem mais de 700 mil seguidores apenas no Facebook. #Famosos