A rede BBC (imprensa britânica) informa que morreu, aos 53 anos, o cantor e compositor, George Michael. Segundo seu agente, ele morreu em casa e de forma pacífica.

A família do cantor pediu que fosse respeitada sua privacidade neste momento de luto.

A BBC informou ainda que uma ambulância foi chamada no início da tarde, para Oxfordshire (Goring), no Reino Unido.

História e Sucesso

O cantor nasceu em 1963 e, com Andrew Ridgeley, que conheceu no Colegial, fundou o Wham!.

Na década de 80, tiveram seu auge e atingram o primeiro lugar nos Estados Unidos, com a canção "Wake Me Up Before You Go Go" e "Careless Whispers".

Em 1986, o cantor iniciou sua carreira solo, e teve destaques gigantescos com as músicas, "Faith", "Father Figure" e "I Want Your Sex".

O álbum "I Want Your Sex" foi extremamente vendido e lançou o cantor internacionalmente.

Publicidade
Publicidade

Em sua carreira, vendeu 80 milhões de discos e fez parcerias com Michael Jackson, Elton John, dentre outros #Famosos.

Escândalos

Em entrevista ao jornal "The Guardian", revelou sua homossexualidade e falou sobre o uso de #drogas e escândalo sexual em que esteve envolvido. Em 1998, o cantor foi acusado e preso por atentado ao pudor, ao ser flagrado numa tentativa de fazer sexo em um banheiro de Bervely Hills. Mais tarde, novamente no banheiro, Michael foi preso por porte de crack e cocaína.

Nessa mesma entrevista, disse que não era modelo a ser seguido, mas gostaria de ser aceito com falhas. Também foi ácido em comentários sobre outras estrelas da música pop internacional.

Recentemente, em 2010, o cantor foi preso novamente por bater o carro sob o efeito de maconha e ficou na cadeia por 4 meses.

Publicidade

Apesar de muitos acharem que seus fãs diminuiriam depois de tanta exposição, o cantor manteve o sucesso e ganhou novos fãs, que ficaram felizes em ver o lado humano do cantor, que lutava para se livrar do uso das drogas.

Documentário

Em novembro deste ano, o cantor ocupava-se em colocar os toques finais em seu filme documentário, "Freedom", segundo sua web page. O documentário tinha data prevista para ser exibido: março de 2017.

Sobre sua morte, é só o que foi divulgado no momento, mas a polícia já afirmou que não há circunstâncias suspeitas. #Morte