Nas últimas semanas, as redes sociais foram bombardeadas com notícias de que Os Simpsons teriam previsto a vitória de #Trump e muitas outras coisas. Mas não foi assim que aconteceu. Os vídeos dizem que um episódio de 2000 previu perfeitamente a cena de Trump na escada rolante, mas isso não é verdade. O vídeo da escada rolante foi filmado em 2015, e, algumas semanas depois, Os Simpsons reproduziram essa cena de Trump na escada rolante. O que significa que esse episódio não é de 2000, e sim de 2015.

Existe um episódio em que Lisa discute a situação econômica do país, na qual Trump era presidente. Porém, esse episódio só foi feito após Trump anunciar a sua candidatura a presidente da República.

Publicidade
Publicidade

O que significa que Os Simpsons não previram esse acontecimento, pois todos os episódios que falam sobre Trump são frutos de acontecimentos já existentes anteriormente.

Não foi dessa vez em que Os Simpsons previram algo, mas existem muitos outros acontecimentos que a animação "previu".

Em 1999, a radiação gerou uma enorme quantidade de tomates mutantes. Em 2008, a urna eletrônica de Homer mudava o voto dele. Em 1995, um limoeiro inteiro foi roubado. Em 1995, o futuro noivo da Lisa podia se comunicar verbalmente usando seu relógio. Em 1996, evangelistas de TV adoraram “o dólar todo poderoso”. Em 1994, a carne de cavalo era um ingrediente secreto. Em 1992, Herb Powell construiu um tradutor de bebê. Em 1991, Homer sonhou com a terra do chocolate durante uma reunião. E, por fim, e talvez o mais assustador, Os Simpsons previram a data da queda das Torres Gêmeas.

Publicidade

Todos esses acontecimentos que foram exibidos no desenho, realmente aconteceram alguns anos depois.

Veja a reação de alguns internautas sobre a "previsão":

As pessoas estavam realmente assustadas.

A internet parece realmente convicta de que Os Simpsons previram a vitória de Trump.

Tinha até gente fazendo rima.

E é claro que não poderiam faltar os políticos brasileiros.

Essas falsas notícias não só se espalharam no Brasil, mas também por todo o mundo. #Entretenimento #Televisão