Com a primeira derrota do Exército hebreu na novela ‘#A Terra Prometida, surgiu a polêmica de quem é a culpa do fracasso dos guerreiros hebreus na batalha contra os cananeus de Ai. Seria por causa de que Josué não consultou à Deus e do pecado de Acã (Kadu Moliterno)? Vamos descobrir.

Na batalha, Kamir (Roberto Bomtempo) e seu general Yussuf (Iran Malfitano) facilmente expulsaram os hebreus de dentro do seu Reino. Os soldados liderados por Salmon (Rafael Sardão) estavam com muita dificuldade de combater os seus inimigos, enquanto os oficiais cananeus tinham suas forças redobradas.

Suposta razão da derrota

O Sumo Sacerdote Eleazar (Bernardo Velasco) alerta ao seu irmão Josué (Sidney Sampaio), o líder dos hebreus, que ele deveria ter consultado ao Senhor sobre a batalha no Reino de Ai.

Publicidade
Publicidade

Josué confirma ao seu irmão que não fez essa consulta ao Deus dos hebreus e fica preocupado com a situação da batalha. Preocupado, Josué ordena que seu criado Elói (Cláudio Gabriel) fique de guarda na espera da chegada dos guerreiros.

Com isso, muitos internautas acreditam que Josué seja o culpado da derrota do seu Exército. Mas na verdade, essa parte foi criada pelo autor Renato Modesto para acrescentar o motivo da liberação do líder Josué para o seu Exército hebreu avançar sobre o Reino inimigo. Isso pois a Bíblia não revela especificamente o que houve para os soldados hebreus avançarem para a guerra contra Ai.

Razão verdadeira

Mas de acordo com a Bíblia no livro de Josué, o verdadeiro motivo da derrota dos hebreus foi o pecado de Acã (Kadu Moliterno) e sua família. Triste com a derrota do seu Exército, Josué ouve a voz de Deus e as palavras do Senhor revelam que tem um traidor no meio do seu povo.

Publicidade

Josué faz conforme a vontade de Deus e descobre que Acã é o informante dos inimigos. O líder hebreu revela para todos que Acã é o traidor e por isso Deus não estava com o seu Exército na hora da batalha.

Revoltados, Acã, Gibar (Rodrigo Phavanello) e Melquias (Gabriel Gracindo) puxam as suas espadas para não serem punidos. Gibar então fala que somente o seu pai era o traidor, Acã chama o filho de covarde e se entrega a Josué, assumindo seu erro.

O traidor revela que roubou os espólios de guerra de Jericó e Josué ordena que Salmon e Otniel (Leonardo Miggiorin) procurem os objetos roubados na tenda do vilão. Encontrados os espólios, Josué e os líderes tribais condenam os traidores a morte por apedrejamento.

Acã e os filhos são levados pela população hebreia, que os apedrejam até a morte. O líder hebreu ainda manda que os traidores e tudo que lhes pertence sejam lançados ao fogo. Josué e Eleazar colocam o nome do local da morte dos traidores de Vale de Arcor.

As mortes dos vilões traidores estão previstas para logo após a derrota hebreia no Reino de Ai, quando todos os guerreiros retornam ao acampamento de Gilgal, com muitos feridos e alguns mortos.

Então, acompanhe as emoções da novela “A Terra Prometida”, de segunda a sexta-feira, às 20h30, pela #Record TV. #Novelas